Prefeito Bernardo Rossi reforça a importância da manutenção da BR-040 e retomada das obras da Nova Subida da Serra - Divulgação/Prefeitura de Petrópolis
Prefeito Bernardo Rossi reforça a importância da manutenção da BR-040 e retomada das obras da Nova Subida da SerraDivulgação/Prefeitura de Petrópolis
Por O Dia
Petrópolis - As diretrizes que subsidiarão a modelagem das novas concessões nas rodovias federais foi tema de um encontro realizado na última sexta-feira pelo presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia e pelo Ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, no município de Duque de Caxias. Entre as novas concessões que serão formalizadas está a da BR-040. O prefeito Bernardo Rossi fez questão de participar do encontro.
Tarcísio Gomes de Freitas destacou a importância de prever as inovações tecnológicas que irão ocorrer nos próximos 30 anos e incluir isso no contrato, uma vez que a gestão terá longa duração. "Se você pegar as concessões do Rio de Janeiro, estamos falando de R$ 15 bilhões em investimentos. É fundamental que as concessões prosperem, e estamos fazendo o que há de melhor em estruturação. No caso da Dutra, por exemplo, a concessão cumpriu um papel importante, mas o processo exauriu e a gente tem que ter a capacidade de prever o que vai acontecer nas próximas décadas. Isso demanda um esforço de modelagem absurdo, porque temos que trabalhar com uma série de projeções - disse".

A prefeitura de Petrópolis solicita, com urgência, o auxílio do governo federal para que a estrada volte a ter a manutenção adequada, para que a regularização fundiária das pessoas que moram às margens seja efetivada, além da retomada do posto da PRF da pista de subida, da obra da Nova Subida da Serra e da construção da ligação Bingen – Quitandinha.

O encontro “Concessão das Rodovias - Rumo a um futuro melhor”, também contou com a participação do prefeito de Duque de Caxias, Washington Reis e do presidente da Empresa de Planejamento e Logística, Arthur Lima – empresa que será a responsável pela elaboração do planejamento das novas concessões.

De acordo com Rodrigo Maia e Tarcísio Filho, serão investidos mais de R$ 15 bilhões nas rodovias estaduais. A primeira concessão que está sendo planejada é a da Dutra que está na fase de consulta pública. Dando sequência será a vez da CRT e depois, a BR 040 também entrará na programação. Entre as questões que estão sendo levadas em consideração nas novas modelagens estão o pagamento proporcional de pedágio e estradas mais seguras e iluminadas com LED. Cerca de dez mil empregos deverão ser gerados com as novas concessões.

A prefeitura vem salientando para o governo federal a importância de uma nova administradora para a rodovia. A BR-040 é muito utilizada pelos petropolitanos que trabalham no Rio e também pelos turistas e a falta de manutenção atrapalha a rotina dessas pessoas, afasta visitantes e prejudica os empresários que precisam escoar seus produtos pela BR-040. Queremos que o governo federal esteja atento às nossas solicitações. A participação nesse encontro foi importante para reforçar a nossa necessidade. Vários pedidos já foram feitos em Brasília e continuamos, de perto, acompanhando todos os trâmites”, disse o prefeito Bernardo Rossi.

Rossi pontua que a prefeitura de Petrópolis precisa acompanhar todo o processo para a escolha da nova concessionária da BR-040 e pediu celeridade no processo. “Precisamos que seja reinstalado o posto da PRF na pista de subida, lutamos pela ligação Bingen - Quitandinha há muitos anos e, sobretudo, após tantos anos de descaso precisamos da manutenção da estrada, além de um valor justo para o pedágio e a retomada da obra da Nova Subida da Serra. A prefeitura também já pediu regularização fundiária para comunidades historicamente constituídas ao longo da via. São pedidos fundamentais para o desenvolvimento do nosso município”, acrescentou. O prefeito entregou um documento para o ministro reforçando os pedidos.

O secretário de Desenvolvimento Econômico, Marcelo Fiorini, que vem acompanhando as demandas da BR-040 a pedido do prefeito Bernardo Rossi, vai retomar as visitas em Brasília para acompanhar o andamento do processo. “A prefeitura por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico elaborou um estudo preliminar que foi entregue a EPL e já está agendando nova reunião para discutir a aceitação das demandas da prefeitura que deverão ser incluídas no edital da nova concessão”. Vale destacar que, em setembro de 2019 a prefeitura entregou à ANTT e à EPL sugestões de intervenções que devem ser previstas no novo edital para concessão da BR-040. O documento inclui criação de novos acessos, retomada da obra da Nova Subida da Serra e transferência da praça de pedágio.

Entre as intervenções solicitadas estão a eliminação de cruzamentos em nível em Araras/Vale das Videiras e Fazenda Inglesa, a criação de vias marginais para tráfego local no trecho de Itaipava, a criação e melhoria de acessos interligando os dois lados da rodovia nos acessos - Duarte da Silveira, o acesso à comunidade Leonardo Boff, Carangola e Feirinha de Itaipava, o acesso à ponte do Arranha Céu, acesso ao Castelo de Itaipava, acesso ao Condomínio Industrial da Posse, manutenção da atual Subida da Serra na futura concessão e uso do túnel, compatibilizando com uso misto de Estrada Parque no futuro; transferência do local da praça de pedágio a fim de melhorar a isonomia do uso da tarifa da rodovia e a incorporação de medidas sugeridas pelo MPF quanto a postos de Polícia Rodoviária Federal, em especial no Belvedere, com disponibilização de informações, imagens, comunicação, bem como outros apoios que se fizerem necessários para a garantia da segurança na rodovia.