Bares que funcionavam além do horário e com aglomeração foram fechados pelos fiscais
Bares que funcionavam além do horário e com aglomeração foram fechados pelos fiscaisDivulgação
Por O Dia
Rio das Ostras - As ações realizadas pela Prefeitura de Rio das Ostras para fiscalização do cumprimento dos decretos municipais por comércios, bares, restaurantes, quiosques e setor de serviços têm duas importantes funções. Ao mesmo tempo que são educativas, orientando sobre as medidas que garantem maior segurança sanitária, autuam e multam reincidentes e quem burla propositadamente as restrições necessárias para conter a propagação do coronavírus.
Equipes de fiscais da Coordenadoria Geral de Fiscalização e Postura (Comfis) e do Procon, com apoio da Secretaria de Segurança Pública e, quando necessário, da Polícia Militar, têm trabalhado incansavelmente. Nas últimas semanas, suspenderam o funcionamento de um quiosque em péssimas condições de higiene e de um restaurante que funcionava dentro de um shopping, o que estava proibido pelo último decreto.
Publicidade
Descumprindo esse mesmo decreto, alguns estabelecimentos promoveram eventos com aglomeração e foram autuados e as pessoas dispersadas, com o apoio do Grupamento de Operações Especiais (GOE) da Secretaria de Segurança Pública.
ORIENTAÇÃO – Os fiscais da Comfis também percorreram os quiosques localizados nas orlas e orientaram sobre a permissão de quatro mesas, ao máximo, nos calçadões. Em Boca da Barra, foram retiradas as mesas colocadas na areia, o que é proibido.
Publicidade
Junto com a equipe do Procon, fiscais da Comfis também vistoriaram bancos, supermercados, casas lotéricas e Correio para garantir o funcionamento de todos os caixas para não causar aglomeração, conforme estabeleceu o último decreto.