Temporal deixa um morto em São Gonçalo

Vítima teria morrido afogada dentro de casa, no Sacramento. Shopping e hospital ficaram alagados no município

Por cadu.bruno

Rio - O forte temporal que atingiu principalmente o município de São Gonçalo durante cerca de uma hora no final da noite desta quarta-feira deixou uma pessoa morta. A água invadiu casas, lojas, escolas e unidades de saúde. José Cardoso, de 70 anos, teria morrido afogada na própria casa, no bairro Sacramento.

Em Niterói, dezenas de pessoas ficaram ilhadas dentro no Terminal Rodoviário João Goulart até a madrugada porque os veículos não conseguiram cumprir os trajetos devido à inundação. Ainda em São Gonçalo, ruas ficaram completamente debaio d'água e muita gente presa em meio ao alagamento.

Imagens postadas na internet mostram o Hospital Alberto Torres e o Partagem Shopping cheios de água. No estabelecimento comercial, um teto teria desabado.Rio registra chuva forte e entra em Estágio de Atenção

Choveu forte também no Rio, que entrou em Estágio de Atenção a partir das 20h50 desta quarta-feira. Diversas regiões da cidades sofreram alagamentos e bolsões d'água, como em Grota Funda, Jacarepaguá e Campo Grande, na Zona Oeste.

Alguns bairros do Rio ficaram sem luz durante o temporal que atingiu a cidade, como Lins, Grajaú, Méier e Vila Isabel. A Light informou que a energia já foi restabelecida e que, caso ainda exista clientes sem luz, são casos isolados. Entretanto, um morador da Rua Cândido Benício, no número 86, em Campinho, disse ainda estar sem luz.

Ruas do Colubandê%2C em São Gonçalo%2C ficaram debaixo d'água. Hospital Alberto Torres%2C que fica no bairro%2C também alagouReprodução Vídeo


Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia