Mais Lidas

Lanchonete é assaltada no Leblon

Dois bandidos roubaram R$ 600 do Balada Mix, que fica na Rua Ataulfo de Paiva. Eles renderam e fizeram reféns o sócio, 10 funcionários e clientes

Por O Dia

Bandidos conseguiram fugir levando R$ 600
Bandidos conseguiram fugir levando R$ 600 -

Rio - Uma loja do Balada Mix no Leblon, na Zona Sul, foi alvo de assaltantes na manhã desta segunda-feira. Dois bandidos armados renderam e fizeram reféns o sócio, 10 funcionários e clientes por volta das 8h30. Eles roubaram R$ 600 do estabelecimento, mas não teriam levado nada dos clientes, segundo o dono.

O crime aconteceu na Rua Ataulfo de Paiva. Segundo Antonio Artur Esteves, um dos sócios do Balada Mix, a dupla chegou numa Fiorino branca e ficou cerca de 10 minutos no local. As vítimas ficaram num canto da loja, sob a mira de uma arma.

"Eles estavam muito nervosos e perguntavam o tempo todo onde ficava o meu escritório. Eu expliquei que ficava em outro endereço. Aí eles pegaram o dinheiro que estava no caixa e fugiram", disse Antonio, que foi obrigado a mostrar todo o estabelecimento para aos criminosos e provar que não havia escritório no local.

"Essas é a situação (de violência) que estamos atravessando. Em pleno coração do Leblon, acontece isso. Não tem mais lugar seguro no Rio", concluiu Antonio, que ficou aliviado de a ação não ter deixado feridos.

Segundo o comerciantes, muitos moradores do bairro passaram na loja para saber se ele estava bem. "Minha filha mora em Portugal, e ela já me ligou chorando e perguntando se eles tinham me maltratado", disse ele. Antonio acredita que, por ser uma época de pagamento de funcionários, os criminosos pensavam ter altos valores na loja.

Funcionários contaram que, na fuga, os criminosos deixaram cair um saco de dinheiro, que, segundo eles, teria sido obtido em um outro assalto, minutos antes. O veículo usado pelos bandidos estaria estacionado a poucos metros da lanchonete, na Rua José Linhares.

"Eu estava lá tomando café, e um cara rendeu o dono sem ninguém perceber. De repente, um outro me abordou pedindo que ficasse calmo. Levantei, saí fora e fui chamar a polícia. Mas não deu tempo, e os caras fugiram", escreveu um internauta na página "Alerta Leblon", no Facebook. 

Segundo o comando do 23º BPM (Leblon), o batalhão foi acionado para verificar a ocorrência. Até o momento não houve prisões relacionadas ao fato. Agentes da 14ª DP (Leblon) estiveram no estabelecimento e o sócio seguiu para a delegacia para prestar depoimento. As câmeras de segurança do estabelecimento filmaram a ação e poderão ajudar a identificar os criminosos.

Comerciantes reclamam da falta de segurança

Comerciantes do bairro do Leblon reclamaram da falta de segurança e dos constantes assaltos na região. Segundo eles, nos últimos seis meses mais de oito lojas fecharam as portas. Em frente ao Balada Mix havia uma loja de celulares que, após três assaltos consecutivos, a operadora de telefonia resolveu fechar o estabelecimento.

"Muita gente tem fechado os estabelecimentos nos últimos tempos. Depois de uma certa hora ninguém anda pela rua. Está muito perigoso o Leblon. Até a banca de jornal (que fica ao lado do restaurante) já tentaram arrombar duas vezes. Viatura? Já foi o tempo que a gente via", lembra Flávio Marques, 51 anos, dono de uma loja de chaves no bairro há 26 anos.

"Quem sobrevive aqui são as pessoas mais antigas. Só olhar a quantidade de pessoas que estão almoçando aqui na rua. Pode contar, meia dúzia de pessoas", completou o comerciante.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários