Mais Lidas

Baixista do AfroReggae morre eletrocutado

Rapaz havia acabado de fazer um show quando teria encostado em um poste e recebido uma descarga elétrica

Por O Dia

Davi morreu perto da Central do Brasil, após fazer um show na Lapa
Davi morreu perto da Central do Brasil, após fazer um show na Lapa -

Rio - O baixista Davi Lannes, do Bloco AfroReggae, morreu eletrocutado na madrugada de terça-feira, na Central do Brasil. O rapaz havia acabado de fazer um show quando teria encostado em um poste e recebido uma descarga elétrica. O caso ocorreu na Avenida Presidente Vargas, esquina com a Praça Cristiano Ottoni.

"O Davi tocou ontem na Lapa e estávamos voltando de lá. Quando chegamos ali no Centro, na Central do Brasil, ele encostou em um poste que estava energizado. Como ele estava muito suado, a descarga foi enorme. Ele ficou inconsciente e eu chamei o bombeiro, mas infelizmente não deu tempo e ele faleceu", contou Carla Oliveira, 35 anos, namorada do músico. 

Segundo ela, bandidos ainda roubaram a carteira e celular de Davi enquanto ele estava caído. "Assim que ele tomou o choque eu pedi ajuda para umas pessoas que estavam ali perto. Essas pessoas se aproximaram e levaram os pertences dele, celular e carteira. Dentro da carteira estava todo o dinheiro que ele tinha ganhado para tocar ontem além de um cartão de crédito meu", disse.

Ainda de acordo com Carla, ela pretende processar os órgãos competentes. "Disseram que semana passada uma senhora já havia tomado um choque naquele poste e também faleceu." Procurada, a Rioluz informou que 'lamenta profundamente o acidente' e abriu sindicância que será publicada no Diário Oficial desta quinta para apurar as responsabilidades.

O corpo do músico foi levado para o Instituto Médico-Legal (IML). Ainda não há data e local de sepultamento. Nas redes sociais, amigos lamentam a morte e fazem homenagens ao músico.

 

*Colaborou o estagiário Gabriel Thomaz  

 

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários