Procon Carioca notifica supermercados e postos de gasolina

Fiscais estiveram em 16 estabelecimentos nesta sexta-feira

Por O Dia

Fiscais do Procon Carioca estiveram em supermercados e postos de gasolina
Fiscais do Procon Carioca estiveram em supermercados e postos de gasolina -

Rio - Fiscais do Procon Carioca estiveram em vários postos e supermercados da cidade verificando abuso de preços durante a greve de caminhoneiros, nesta sexta-feira. Todos os estabelecimentos visitados foram notificados para apresentar os preços praticados e as notas fiscais do que pagaram aos seus fornecedores. Na ação, oito postos de combustível e oito supermercados notificados.

Segundo a presidente do Procon Carioca, Márcia Mattos, o órgão vai analisar se o que os empresários de supermercados e postos pagaram para oferecer aquele produto justifica o aumento. “Estamos solicitando os preços de todo o mês de maio. Se for constatado aumento abusivo, o estabelecimento será multado, pois isso é uma afronta ao Código de Defesa do Consumidor, que, no artigo 39, inciso X, proíbe a elevação do preço sem justa causa”, disse a presidente.

O consumidor que verificar o aumento abusivo de preço deve denunciar para que o Procon Carioca tome as medidas a fim de coibir essa prática. Ele pode registrar sua denúncia no facebook /ProconCarioca, até com fotos, se for possível, ou pelo 1746.

“É importante sempre exigir a nota fiscal. No caso dos postos, a nota deve vir discriminada com o valor por litro de combustível”, alertou Márcia Mattos. A fiscalização ocorrerá até que esteja normalizado o abastecimento na cidade. Os estabelecimentos notificados deverão apresentar suas defesas até dia 11 de junho.

Últimas de Rio de Janeiro