Disque Denúncia oferece recompensa para achar envolvidos na morte de policial civil no Andaraí

Marcus Aurélio Garcia Fonseca foi baleado em tentativa de assalto no último 27 de maio e morreu nesta quinta

Por O Dia

Contra Erick e Carlos há um mandado de prisão em aberto
Contra Erick e Carlos há um mandado de prisão em aberto -

Rio - O Disque Denúncia divulgou, neste sábado, que está oferecendo uma recompensa de R$ 5 mil por informações que levem à prisão de Erick Rodrigues dos Santos, de 19 anos, e Carlos Alessandro Lucas Jesus, de 30. Os dois são apontados como os principais suspeitos de envolvimento no assassinato do policial civil Marcus Aurélio Garcia Fonseca, de 45 anos. Erick e Carlos são considerados foragidos da Justiça.

O oficial de cartório Marcus Aurélio foi atingido por seis tiros durante uma tentativa de assalto no Andaraí, na Zona Norte da cidade, na manhã do último dia 27 de maio. Ele ainda teve sua arma e pertences pessoais levados pelos bandidos.

O policial estava internado no Hospital Federal do Andaraí depois de passar por cirurgia. Mas nesta quinta-feira, por volta das 11h25, ele não resistiu aos ferimentos e morreu.

Vários crimes

Contra Erick e Carlos há um mandado de prisão temporária em aberto. Eles são procurados pelos crimes de latrocínio (roubo seguido de morte), associação criminosa e posse ou porte ilegal de arma de fogo de uso restrito.

Quem tiver qualquer informação sobre a localização dos dois pode entrar em contato pelos seguintes canais: Whatsapp ou Telegram do Portal dos Procurados: (21) 98849-6099; Central de Atendimento do Disque Denúncia: (21) 2253-1177; Facebook/(inbox): www.facebook.com/procurados.org/; ou pelo aplicativo "Disque Denúncia RJ".

A entidade avisa que todas as informações que receber serão encaminhadas à 20ª DP (Vila Isabel), que está responsável pela investigação do crime.

Com a morte de Marcus Aurélio, já chega a 65 o número de policiais mortos no Estado do Rio em 2018 - sendo 59 policiais militares, 5 policiais civis e um policial federal.

O carro do policial foi atingido por 10 tiros - Estefan Radovicz / Agência O Dia

Galeria de Fotos

Contra Erick e Carlos há um mandado de prisão em aberto Divulgação / Disque Denúncia
O carro do policial foi atingido por 10 tiros Estefan Radovicz / Agência O Dia

Últimas de Rio de Janeiro