Crivella aciona botão para implosão de cinco prédios do Complexo Jambalaia

Cerca de 280 famílias, que viviam no local em situação de risco, foram removidas pela Prefeitura e vão receber aluguel social

Por O Dia

Crivella acionou botão para implosão de condomínio na Zona Oeste
Crivella acionou botão para implosão de condomínio na Zona Oeste -

Rio - O Complexo Jambalaia, em Campo Grande, Zona Oeste, foi implodido na manhã deste domingo. Os cinco prédios abrigavam cerca de 280 famílias, que viviam no local em situação de risco. Elas foram removidas pela prefeitura e vão receber aluguel social. Posteriormente, será construído um condomínio do programa 'Minha Casa Minha Vida', onde os antigos moradores serão realocados. No local, Crivella foi quem acionou o botão dos 150 quilos de explosivos que levaram o complexo ao chão. 

"Hoje damos um passo adiante no processo da cidadania do Rio. Essas famílias que viviam sem condição de habitabilidade e em risco de serem soterradas na lama e no lixo dos escombros, como em São Paulo, estão livres disso. Todas elas estão no aluguel social, e em um ano estarão no Minha Casa Minha Vida que vamos construir aqui", disse o prefeito Crivella.

Crivella acionou botão para implosão de condomínio na Zona Oeste - Paulo Araújo

Os cinco prédios, que viviam em uma área de 70 mil metros quadrados, foram condenados pela Defesa Civil. As unidades apresentavam problemas estruturais, risco de incêndio e desabamento. Por precaução, as pessoas que residem em um raio de 150 metros do local desocuparam suas casas uma hora antes da ação. Participaram da operação equipes da Guarda Municipal, CET-Rio, Comlurb, Defesa Civil, e as secretarias municipais de Infraestrutura e Habitação, e de Assistência Social e Direitos Humanos, além da Polícia Militar, Companhia Estadual de Gás (CEG) e Corpo de Bombeiros.

Limpeza da área

Após a liberação da área pela Defesa Civil, a Comlurb entrou em campo com 40 garis e 12 fiscais e agentes de limpeza urbana. Eles atuaram com 15 sopradores, uma varredeira de grande porte, uma pá mecânica, dois caminhões (um compactador e um basculante) e três carros-pipa para a lavagem hidráulica das vias com água de reuso. Além da Avenida Manoel Caldeira de Alvarenga, estavam no roteiro as ruas Murilo de Alvarenga, Waldemar Medrado Dias, José Pedro Maduro e Nova Era.

 

Galeria de Fotos

Crivella acionou botão para implosão de condomínio na Zona Oeste Paulo Araújo
Crivella acionou botão para implosão de condomínio na Zona Oeste Paulo Araújo

Últimas de Rio de Janeiro