Vigilância Sanitária chama atenção para golpe em comerciantes

Falsos agentes sanitários tentam extorquir lojistas por telefone

Por O Dia

Crachá oficial dos fiscais tem QRcode que leva para site da prefeitura
Crachá oficial dos fiscais tem QRcode que leva para site da prefeitura -

Rio - A Vigilância Sanitária do Rio de Janeiro chama atenção para um golpe que está sendo aplicado por falsos fiscais da secretaria que se aproveitam da fiscalização mais intensa dos agentes para cobrar a implementação do uso de canudos de papel. O golpe, geralmente é dado por pessoas que criam perfis em aplicativos de mensagem, usando fotos e nomes de fiscais verdadeiros. Estas pessoas fazem ameaças de aplicação de multas e penalidades relacionadas ao uso de canudos de plástico, se o comerciante não depositar dinheiro na conta que eles deixam para depósito durante a conversa.

Os agentes que realmente trabalham na subsecretaria de Vigilância, Fiscalização Sanitária e Controle de Zoonozes da cidade não fazem o trabalho por telefone. O procedimento padrão dos profissionais é ir pessoalmente ao estabelecimento comercial usando coletes com o nome e a matrícula bordados no uniforme e utilizar um crachá com a identificação e um QRcode logo abaixo do nome, como na foto acima. O Termo de visita Sanitária que eles apresentam é numerado e tem uma marca d'água da sub-secretaria. Através do código impresso no crachá, é possível ver a página do órgão com as fotos e os nomes dos fiscais legítimos. Assim o comerciante pode conferir a legitimidade da abordagem durante a inspeção. Caso haja suspeita o comerciante pode ligar para o número 1746 e fazer uma denúncia anônima para a central de atendimento da Vigilância Sanitária.

Os profissionais verdadeiros são orientados a não desrespeitar as pessoas e costumam dar dicas sobre os procedimentos corretos aos donos dos estabelecimentos no ato da inspeção. Eles também indicam cursos gratuitos de aperfeiçoamento para empresários e trabalhadores. A Prefeitura está com uma campanha chamada "O Fiscal tem sua legitimidade. Reconheça. Colabore" e é possível encontrar peças gráficas pela cidade que têm um QR code que direciona para mais informações sobre o assunto.

 

Galeria de Fotos

Crachá da Vigilância Sanitária Reprodução da internet
Crachá oficial dos fiscais tem QRcode que leva para site da prefeitura Reprodução da internet

Últimas de Rio de Janeiro