Candidatos ao governo do estado criticam desmonte da Saúde básica no município

Gestores das Clínicas da Família teriam recebido lista para dispensar funcionários das unidades. Prefeitura não confirma medida

Por WILSON AQUINO

Eduardo Paes e Wilson Witzel
Eduardo Paes e Wilson Witzel -

Rio - Os candidatos ao governo do estado, Eduardo Paes e Wilson Witzel, criticaram o desmonte da Saúde básica no município do Rio. De acordo com denúncia da Associação de Medicina de Família e Comunidade do Estado do Rio de Janeiro, nada menos do que 190 equipes serão cortadas, deixando sem cobertura cerca de 760 mil cariocas.

Gestores de algumas unidades da cidade do Rio estão sendo convocados à prefeitura para receber uma lista dos profissionais que devem ser dispensados. A Prefeitura do Rio, no entanto, não confirma.

O DIA - O que o senhor acha das medidas de enxugamento de gastos e redução de unidades do programa Clínicas da Família por parte do governo municipal do Rio?

Wilson Witzel - Uma tristeza ver que a péssima gestão de Eduardo Paes destruiu de tal forma as contas públicas municipais que fez a prefeitura tomar uma decisão que é, no mínimo, controversa.

Eduardo Paes - É lamentável que o prefeito que apoia Wilson Witzel faça isso. Foi um avanço incrível na cidade do Rio. Nós chegamos a quatro milhões de cariocas atendidos pelas Clínicas da Família, que resolvem 80% dos problemas.

É lamentável que o prefeito que apoia Wilson Witzel faça isso. Foi um avanço incrível na cidade do Rio. A atenção básica na Saúde é fundamental. Nós chegamos a 70% dos cariocas, quatro milhões de cariocas atendidos pelas Clínicas da Família. 80% dos problemas que a poderia ter com a nossa Saúde, a gente resolve com as Clínicas da Família

O DIA - Acredita que essas medidas podem fazer crescer ainda mais a demanda sobre a a saúde estadual, que já está sobrecarregada?

Witzel - Sim, a irresponsabilidade fiscal de Eduardo Paes será sentida pela nossa população por muito tempo. É sempre melhor investir em programas que ajudam na prevenção, seja por melhoria da qualidade de vida da população, seja pelo alívio nos cofres públicos.

Paes - Não é só aumentar a demanda sobre a rede estadual. O que está fazendo esse prefeito, que apoia o candidato Witzel, meu adversário, é aumentar a demanda sobre todos os hospitais do estado, do município, federais, porque a atenção básica na Saúde é principalmente saúde preventiva. Diabetes, por exemplo, se você cuidar, é uma doença que não gera tantos males quanto se você não cuidar. Então, acho que as Clínicas da Família são um elemento fundamental e é lamentável que isso esteja acontecendo.

 

Galeria de Fotos

Eduardo Paes e Wilson Witzel Reprodução / Facebook
Pacientes das clínicas de família estão preocupados com a possibilidade de término das consultas dos médicos de família. Rj, 26 de outubro. Marcio Mercante / Agencia O Dia

Últimas de Rio de Janeiro