Operação prende suspeito de envolvimento em desaparecimento de oito jovens em Brás de Pina

Além do traficante conhecido como 'Índio', PM prendeu sete homens e apreendeu um adolescente em Parada de Lucas

Por O Dia

PM apreende uma pistola, três carregadores, 11 munições, uma réplica de fuzil, nove rádios comunicadores, 93 tabletes de maconha e outras drogas em Parada de Lucas
PM apreende uma pistola, três carregadores, 11 munições, uma réplica de fuzil, nove rádios comunicadores, 93 tabletes de maconha e outras drogas em Parada de Lucas -
Rio - A Polícia Militar prendeu, na manhã desta segunda-feira, oito criminosos e apreendeu um adolescente durante uma operação em Parada de Lucas, na Zona Norte do Rio. Durante vasculhamento, agentes do 16º BPM (Olaria) entraram em confronto com criminosos armados, conforme informa a Secretaria de Estado de Polícia Militar. Os suspeitos foram detidos após os disparos. Entre eles, está um traficante conhecido como 'Índio'. Ele faz parte do grupo criminoso apontado como responsável pelo desaparecimento de oito jovens em Brás de Pina em maio.
Um dos criminosos preso, conhecido como "Índio", era um dos líderes do tráfico na região. Ele pertence ao grupo apontado pela polícia como responsável pelo desaparecimento de oito jovens na Favela Cinco Bocas, em Brás de Pina, no fim de maio. A ação teria partido do grupo armado de Álvaro Malaquias Santa Rosa, o Peixão. Ele é o chefe da facção Terceiro Comando Puro (TCP) em Cordovil, Parada de Lucas e Vigário Geral, regiões nas intermediações da Cinco Bocas. Índio é um dos líderes da facção na Cidade Alta, em Cordovil, segundo informações da polícia.
Na operação desta segunda-feira foram apreendidos uma pistola cal. 9mm, três carregadores, 11 munições, nove rádios comunicadores, 93 tabletes de maconha, uma réplica de fuzil, 680 frascos de loló, 50 frascos de black lança, três galões de lança, três frascos de clorofórmio e material para endolação, segundo a PM. 
A ocorrência foi encaminhada para a 27ª DP (Vicente Carvalho).
Entenda o caso
A Polícia Civil investiga o desaparecimento de oito jovens moradores da Favela Cinco Bocas, em Brás de Pina, na Zona Norte do Rio, em maio deste ano. Eles teriam sido levados por traficantes. A motivação ainda está sendo investigada pela 22ª DP (Penha), que também tenta descobrir o paradeiro dos rapazes.
Diligências foram feitas na Favela Cinco Bocas na quinta-feira em locais com vestígios de sangue e disparos. Até agora, foram registrados os desaparecimentos de seis jovens na região da Cinco Bocas e de um sétimo, em outra localidade. Há informações de outros jovens desaparecidos e a polícia aguarda o contato destas famílias.
Entre os desaparecidos estão Rafael Magalhães Celestino, de 17 anos, Adalberto Bispo Pereira Neto, 22, e Tiago Moreira Isbano, 24. A mãe de Rafael publicou uma foto do filho em sua conta na rede social. "Não quero saber quem levou, só quero meu menino de volta, eu imploro, devolva meu filho, vocês não imaginam a dor que estou sentindo", diz a legenda, publicada na terça-feira. No dia seguinte, ela fez outra publicação: "meu amor, eu vou te encontrar".

Comentários