Morre vendedor de shopping vítima de bala perdida em tiroteio em Niterói

Thiago da Conceição Marins, de 31 anos, trabalhava numa loja de brinquedos e era pai de duas crianças

Por O Dia

Thiago da Conceição Marins, de 31 anos, morreu após ser atingido por bala perdida em frente ao Plaza Shopping Niterói
Thiago da Conceição Marins, de 31 anos, morreu após ser atingido por bala perdida em frente ao Plaza Shopping Niterói -
Rio - Um vendedor de uma loja de brinquedos morreu na manhã deste sábado, após ser atingido por uma bala perdida em frente ao Plaza Shopping, nesta à noite sexta-feira, em Niterói, Região Metropolitana do Rio. Thiago da Conceição Marins, de 31 anos, foi socorrido para o Hospital Estadual Azevedo Lima, baleado nas costas, mas não resistiu aos ferimentos.
Em nota, a Secretaria Estadual de Saúde confirmou a morte de Thiago e informou que Irene Rosa Gagliano, de 63 anos, baleada na perna enquanto passava pelo local, recebeu alta nesta madrugada. Thiago morava em São Gonçalo e era pai de duas crianças. 
Tentativa de assalto e tiroteio termina com quatro baleados
Dois homens teriam tentado roubar um motociclista atrás do estabelecimento comercial, por volta das 20h10 desta sexta-feira e foram surpreendidos por agentes do Programa Niterói Presente. Houve tiroteio e outras duas pessoas, Thiago da Conceição Marins, de 31 anos, vendedor de uma loja de brinquedos, e Irene Rosa Gagliano, de 63 anos, que passavam pelo local, foram baleadas. Os dois suspeitos foram mortos na ação. 
Segundo relatório preliminar de agentes do Programa Niterói Presente, eles teriam saído do Morro do Estado, no mesmo município, e estariam cometendo assaltos na região, utilizando, além de armas, uma granada.
 

Galeria de Fotos

Thiago da Conceição Marins, de 31 anos, morreu após ser atingido por bala perdida em frente ao Plaza Shopping Niterói Reprodução/Facebook
Thiago da Conceição Marins, de 31 anos, morreu após ser atingido por bala perdida em frente ao Plaza Shopping Niterói Reprodução/Facebook

Comentários