Alunos da Faetec montam robô que simula resgate

Estudantes da unidade Ferreira Viana conquistaram o segundo lugar na prova prática da Olimpíada Brasileira de Robótica, no sábado

Por O Dia

Equipamento foi desenvolvido para detectar caminhos no meio de escombros e atuar em desabamentos
Equipamento foi desenvolvido para detectar caminhos no meio de escombros e atuar em desabamentos -
Um robô especialmente desenvolvido para detectar caminhos no meio de escombros e atuar no resgate de vítimas de desabamentos. Foi com tal engenhoca que os alunos Andrew Ribeiro, Fabrício Braga, Felipe de França e João Vitor dos Santos, da Faetec Ferreira Viana, conquistaram, no último sábado, o segundo lugar na prova prática da Etapa Regional da Olimpíada Brasileira de Robótica (OBR), realizada na Universidade Veiga de Almeida, na Tijuca, Zona Norte.
Feito com blocos de encaixe da Lego Mindstorms, o robô envolveu conhecimentos de Mecânica, Eletrônica, Programação de Computadores, além de elementos de Matemática e Física. Equipado com dois sensores de luz e um de ultrassom para identificar e desviar de objetos, o equipamento é também é dotado com uma garra para ajudar na captura de vítimas. Por meio da leitura dos sensores, por sinal, ele consegue detectar onde existe um caminho na superfície e realizar o resgate.
“Ficamos muito felizes com a medalha de prata nessa etapa da Olimpíada. Para construirmos os robôs, pesquisamos bastante e cada um fez a sua parte. Um mexeu na parte computacional, o outro na mecânica do robô, sempre tentando melhorar o projeto”, afirmou, animado, o João Vitor dos Santos, de 15 anos,
um dos integrantes da equipe Thunder.
Professor dos alunos, César Augusto Bastos, destacou a importância da participação dos estudantes em olimpíadas. Segundo ele, somente três escolas públicas estavam participando da competição. “A Olimpíada é uma grande oportunidade de praticar e trocar conhecimentos. Participar de eventos, feiras e competições é uma oportunidade de botar em prática o que já estudou e perceber o que ainda pode ser aprimorado, além de se manter atualizado na sua área de estudo”, afirmou ele, que é professor de Física e da Oficina de Robótica da Rede Faetec, lembrando que equipes vencedoras estarão na Etapa Estadual, em Petrópolis, dia 22 de setembro, e, em seguida, na Etapa Nacional, no Rio Grande do Sul, entre os 22 e 26 de outubro.

Reportagem da estagiária Julia Noia, sob supervisão de Clarissa Monteagudo
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários