Viação Acari diz que pagará atrasados no fim do mês; motoristas voltam parcialmente ao trabalho

Nesta quinta-feira, motoristas, cobradores, fiscais e profissionais do setor administrativo da empresa iniciaram uma greve

Por O Dia

Funcionários estão em greve desta o início desta quinta-feira
Funcionários estão em greve desta o início desta quinta-feira -
Rio - Após a reunião realizada na tarde desta sexta-feira, entre a direção do Sindicato dos Rodoviários Rio (Sintraturb) e representantes da Viação Acari, ficou acordado que a empresa realizará no próximo dia 27, o pagamento dos salários atrasados e do 13°. Por causa do atraso de dois meses no pagamento e do benefício, motoristas, cobradores, fiscais e profissionais do setor administrativo da empresa iniciaram uma greve nesta quinta-feira.
Segundo o vice-presidente do sindicato, José Carlos Sacramento, a decisão não teve o apoio de todos os motoristas e cobradores, apenas parte dos funcionários concordaram em voltar a trabalhar. José Calos calcula que dos cerca de 160 ônibus que fazem parte da frota da empresa, apenas 40 voltaram para as ruas na tarde desta sexta-feira.
Na tarde de ontem, o Sintraturb entrou com uma ação no Tribunal Regional do Trabalho (TRT) pedindo a penhora da arrecadação dos consórcios Internorte e Transcarioca e da viação para que os pagamentos atrasados sejam regularizados em até 72h.
De acordo com o sindicato, as cestas básicas dos funcionários estão em dia, mas o pagamento do salário é dividido em quatro parcelas todo mês. A manutenção dessa situação inviabilizaria qualquer tipo de negociação.
A Viação Acari é responsável por oito linhas, que trafegam pelos consórcios Internorte e Transcarioca. A empresa opera trajetos a partir de Marechal Hermes, Rocha Miranda, Madureira, Abolição e Cascadura; são eles!
254 (Madureira x Candelária)
277 (Rocha Miranda x Candelária)
456 (Norte Shopping x Copacabana)
650 (Marechal Hermes x Engenho Novo)
667 (Madureira x Méier)
686 (Fazenda da Bica x Madureira)
457 (Abolição x Copacabana)
607 (Cascadura X Rio Comprido)
Em nota, a Viação Acari informou que continua buscando medidas emergenciais para minimizar os efeitos da paralisação de seus funcionários, que teve início quinta-feira.
"A empresa está negociando a regularização dos pagamentos que estão em atraso, a fim de normalizar a operação. Das oito linhas que a empresa opera, três estão em funcionamento", disse a empresa, em nota. 


Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários