PM prende mais de 10 em operação feita após morte de cabo na Baixada

Ação acontece nas comunidades do Dique, Vila Ruth, Andorinha, Faisão e Jardim Metropole e adjacências, em São João de Meriti

Por O Dia

Pistolas apreendidas na ação
Pistolas apreendidas na ação -
 Rio - A Polícia Militar faz, desde as primeiras horas da manhã desta segunda-feira, uma operação em São João de Meriti, na Baixada Fluminense. A ação é feita por agentes do 21º BPM (São João de Meriti) e acontece nas comunidades do Dique, Vila Ruth, AndorinhaFaisão e Jardim Metropole e adjacências.
Até o momento, 12 pessoas foram presas. Dois delas foram foram baleados durante confronto com os agentes e foram socorridos na UPA Jardim Íris, no Vilar dos Teles.
Com os suspeitos, foram encontrados duas pistolas (uma calibre 45 e outra 9mm), sete granadas, sete radiotransmissores e drogas que ainda serão contabilizadas.
A operação acontece menos de 12 horas após o assassinato do cabo Leandro Augusto Correa, de 37 anos, no Dique. O PM morreu após ser baleado por homens armados que deixavam a comunidade em quatro motos após sua equipe dar ordem de parada para outros suspeitos que estavam em um Chevrolet Prisma prata.
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários