Policial é morto em arrastão na Zona Norte

PM chegou a ser socorrido, mas já chegou sem vida no hospital

Por O Dia

Policiais preservaram local do crime para a chegada da perícia
Policiais preservaram local do crime para a chegada da perícia -
Rio - Um sargento do Batalhão de Choque (BPChq) da PM morreu após ser baleado, na manhã desta quinta-feira, em um arrastão no bairro Anchieta, Zona Norte do Rio. O caso aconteceu próximo à localidade Praça do Granito, na Avenida Cipriano Barata. Benone Nunes de Sá, 42 anos, foi atingido no braço direito e no rosto.
Segundo a PM, ele chegou a ser socorrido pelo Corpo de Bombeiros, para o Hospital Estadual Carlos Chagas, em Marechal Hermes, na Zona Norte, por volta de 11h, mas já deu entrada sem vida na unidade. A carteira e a arma do PM foram levadas pelos criminosos.
O sargento Benone estava na corporação há 20 anos e deixa a esposa. Até o momento, não há confirmação de horário e local do sepultamento. A Delegacia de Homicídios investiga o caso. Os agentes fizeram uma perícia no local e buscam imagens de câmeras de segurança da região que possam ajudar a identificar os suspeitos do crime.
 
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários