Polícia prende suspeito de roubar joalheria da Zona Sul

Crime aconteceu em dezembro do ano passado

Por O Dia

A joalheria assaltada fica em Ipanema, de onde quadrilha fugiu com a chegada da polícia. Parte dos integrantes foi presa no Jardim Botânico
A joalheria assaltada fica em Ipanema, de onde quadrilha fugiu com a chegada da polícia. Parte dos integrantes foi presa no Jardim Botânico -
Rio - Policiais da 14ª DP (Leblon) prenderam, na manhã desta sexta-feira, um homem suspeito de planejar e executar o roubo a uma joalheria localizada em Ipanema, na Zona Sul. Segundo a Polícia Civil, o suspeito foi surpreendido quando estava dentro de um carro, em um dos acessos à Vila Cruzeiro, na Penha, Zona Norte do Rio.

Ainda segundo informações de agentes, além de ser mentor intelectual da quadrilha que executou o roubo à joalheria Sara Joias, na Zona Sul, onde seis bandidos renderam funcionários da loja e levaram cordões e relógios, o suspeito também seria responsável por agrupar foragidos da Justiça no Pará, para praticar crimes na cidade do Rio.

A polícia informou ainda que o homem usava uma carteira de identidade falsificada e tem em aberto um mandado de prisão e seis condenações pelos crimes de homicídio e roubo, somando as penas em 50 anos de prisão.
Relembre o caso
Na noite de 4 de dezembro de 2019, dois criminosos foram presos, após uma tentativa de assalto à joalheria Sara, em Ipanema, na Zona Sul do Rio, e fazer um casal refém dentro de uma escola de yoga no Jardim Botânico. De acordo com relatos, criminosos armados fugiram em direção ao Túnel Rebouças, também na Zona Sul, e dois deles invadiram a escola.
Por volta das 19h10, um deles foi preso e o outro – ferido durante troca de tiros com policiais – aguardava a chegada da ambulância. Um casal foi feito refém e liberado por volta do mesmo horário. A negociação para a libertação dos reféns durou cerca de 20 minutos.
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários