Técnico é infectado com coronavírus e UFRJ suspende serviços de radioterapia

Universidade pede para todas as pessoas que tiveram contato com o profissional permaneçam em observação domiciliar

Por O Dia

Hospital Universitário Clementino Fraga Filho
Hospital Universitário Clementino Fraga Filho -
Rio - A Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) suspendeu preventivamente o serviço de radioterapia do Hospital Universitário Clementino Fraga Filho (HUCFF). A medida foi adotada após um técnico que trabalha no setor ter sido infectado pelo novo coronavírus (Covid-19). O profissional está sendo tratado em casa. 
De acordo com a UFRJ, todas as pessoas que tiveram contato com o técnico também deverão permanecer em observação domiciliar, segundo protocolo do Ministério da Saúde
"Todos foram orientados. Explicamos os motivos e em breve estaremos disponíveis para o atendimento médico dos nossos pacientes da radioterapia", explica Paulo Cesar Canary, chefe do Serviço de Radioterapia do HUCFF.
O médico reforçou que a medida se deve por não haver quadro técnico para a aplicação de radioterapia na unidade. A previsão é que os trabalhos sejam retomados na segunda.
A divisão médica da unidade optou por suspender os atendimentos até que os demais técnicos (cerca de 10) retornem com a certeza de manter o ambiente seguro para os pacientes.
De acordo com a assessoria da universidade, o serviço de radioterapia do hospital universitário recebe 60 pacientes por dia.

Comentários