O brilho da juventude

Moradores da Zona Oeste, eles têm menos de 30 anos, mas já brilham com projetos de sucesso, mesmo durante a pandemia da covid-19

Por Danillo Pedrosa

Seja na música, gastronomia ou mídias sociais, Phillipe, Júlia, Lui, Carol, Diego. Larissa e Lucas provam que há talento de sobra nos jovens empreendedores da Zona Oeste do Rio
Seja na música, gastronomia ou mídias sociais, Phillipe, Júlia, Lui, Carol, Diego. Larissa e Lucas provam que há talento de sobra nos jovens empreendedores da Zona Oeste do Rio -

Eles são jovens mas já mostram talento e disposição de sobra para obter sucesso em seus negócios. Moradores da Zona Oeste e com menos de 30 anos, Philippe Martino, Júlia Peixoto, Carol Rocha, Lucas Frota, Diego Narizin, Larissa Muniz e Lui Viana têm muito em comum, e, apesar da pouca idade, já podem servir de inspiração para quem pensa em empreender.

O fotógrafo e designer Phillipe Martino (Instagram @phillipeee), de 26 anos, morador da Barra da Tijuca, é um claro exemplo de quem está bem antenado na atualidade e conseguiu tirar proveito disso. Durante o período de isolamento social, ele começou a criar filtros no Instagram, ganhou visibilidade e agora recebe dinheiro por isso - a partir de R$ 250 por filtro. Entre seus clientes estão microinfluenciadores, empresas e até perfis de portais de mídia.

Já Carol Rocha, de Vargem Grande, além de empreendedora, trabalha pela a preservação do meio ambiente e por uma sociedade mais saudável. Aos 28 anos, a produtora e consultora agrícola comanda a empresa Orgânicos do Rio (Instagram @organicosdorio), que vende produtos orgânicos e agroecológicos. A inspiração vem da própria família, já que ela é neta e bisneta de agricultores.

"Acredito na potência da construção coletiva e que juntos, pequenos agricultores rurais e urbanos, podemos distribuir uma alimentação segura, em busca da segurança alimentar de todos", publicou Carol no Instagram de seu empreendimento, descrito como "mercearia".

Morador de Realengo, Diego Leal é mais um pequeno empreendedor que superou os obstáculos da vida para ter sucesso. Aos 26 anos, ele é dono, com a namorada e sócia Larissa Muniz, de 21, da sanduicheria Nanah (Instagram @seunanah), há cerca de três meses, e já conquistou uma boa clientela na região. O nome é uma homenagem ao sogro, Gilberto Nascimento, que faleceu no ano passado. Em breve, Diego ainda pretende abrir uma hamburgueria no mesmo local de trabalho, como uma forma de diversificar o negócio, já que a concorrência tem sido grande durante a pandemia.

"Olhava nos aplicativos e só encontrava hambúrguer, pizza, comida japonesa... O mesmo de sempre. Por causa dessa insatisfação com a mesmice, chamei a minha namorada para ser minha sócia, ela abraçou a ideia e montamos o delivery. É um produto novo, então teve uma certa resistência no começo e a concorrência aumentou muito por conta da pandemia", explica Diego. 

 

Promessas da música

Também morador da Barra, o DJ e produtor musical Lucas Frota (Instagram @iamlucasfrota), apesar de ter apenas 21 anos, já precisa se dividir entre a vida na Zona Oeste e em Los Angeles, nos EUA, por causa da carreira. Ele se destaca pelo toque brasileiro em todas as produções, buscando inspiração na Bossa Nova, MPB e músicas mais rítmicas e folclóricas. Na próxima sexta, ele lança seu novo EP, "Alone".

"Esse EP surgiu de uma música que eu comecei a compor há mais ou menos dois anos. Gravei todas as percussões da música orgânicas, vários instrumentos reais, quem canta é meu sócio do meu estúdio lá de Hollywood Mark Bell (Blakkat)" explica Lucas.

Já bem perto de Lucas, no Recreio, Lui Viana (Instagram @lui_viana) é outro que começa a investir na carreira musical. E o talento está no sangue: ele é neto de Djavan e filho de João Viana. Aos 19 anos, ele acaba de lançar sua primeira música, a faixa Nó, já disponível no Youtube e no Spotify. 

Sucesso nas redes sociais

Com mais de 1 milhão de seguidores no Instagram, o sucesso da influenciadora digital Júlia Peixoto (Instagram @juliapeixotoficial), moradora da Freguesia, chama ainda mais atenção por causa da pouca idade - apenas 20 anos. Uma "favelada no topo", como indica sua própria descrição na rede social, ela dá dicas de moda, maquiagem e é também uma blogueira fitness. Recentemente, fez também um ensaio sensual e está aprofundando o entendimento de temas como empoderamento feminino e sororidade.

"É complicado para uma menina de 20 anos falar com profundidade sobre esse assunto (feminismo). Eu ainda estou conhecendo mais esse movimento. Acho que como influenciadora tenho que sempre estudar, escutar e entender, para apenas depois levantar uma bandeira de forma tão explícita", explica Júlia, que entende bem a responsabilidade que tem ao falar para tantos seguidores.

"Busco sempre levar mensagens empoderadas para as minhas seguidoras. Ressaltar a importância de não nos deixamos abater com o que outras pessoas dizem ao nosso respeito. Costumo também falar muito que não existe a necessidade de diminuir uma mulher para enaltecer outro. São coisas básicas que acredito que faz toda a diferença", disse a influenciadora.

Galeria de Fotos

Seja na música, gastronomia ou mídias sociais, Phillipe, Júlia, Lui, Carol, Diego. Larissa e Lucas provam que há talento de sobra nos jovens empreendedores da Zona Oeste do Rio fotos Divulgação
Lui Viana Reprodução
Júlia Peixoto, 20 anos, influenciadora digital Luiz Henrik
Lucas Frota, 21 anos, DJ Divulgação
Diego Leal, 26 anos, e a namorada Larissa Muniz, 21, são sócios de uma sanduicheria Divulgação
Carol Rocha, 28 anos, idealizadora da empresa Orgânicos do Rio Divulgação

Comentários