Fisioterapeuta é preso por fazer procedimentos estéticos em órgãos genitais

Roberto da Silva Souza se passava por médico em uma clínica de Nova Iguaçu

Por O Dia

Roberto da Silva Souza é estudante de Biomedicina
Roberto da Silva Souza é estudante de Biomedicina -
Rio - Policiais da 52ª DP (Nova Iguaçu) prenderam em flagrante, nesta quarta-feira, o fisioterapeuta Roberto da Silva Souza, que se passava por médico para realizar procedimentos estéticos. Roberto, que se disse estudante de Biomedicina, atuava na Clínica Espaço Verde, que fica na Travessa Quaresma, no Centro do município da Baixada Fluminense.
De acordo com a Polícia Civil, o fisioterapeuta fazia procedimentos invasivos, como incisão ou inserção de um instrumento no organismo, com cortes e microcirurgias nos órgãos genitais, prometendo aumentar o pênis e modelar a genitália feminina. Os agentes chegaram até ele através de postagens nas redes sociais da clínica e de denúncias recebidas pelo Conselho Regional de Biomedicina (CRBM), que participou da operação.

Galeria de Fotos

Agentes da Vigilância Sanitária de Nova Iguaçu participaram da ação Divulgação / Polícia Civil
Material encontrado com o falso médico Divulgação / Polícia Civil
Anúncio nas redes sociais da clínica Reprodução / Instagram
Anúncio nas redes sociais da clínica Reprodução / Instagram
Roberto da Silva Souza é estudante de Biomedicina Arquivo Pessoal
Roberto aparecia bastante em postagens da clínica nas redes sociais Reprodução / Instagram
Além da prisão de Roberto, no local, os agentes encontraram diversos materiais de uso exclusivo de médicos, tais como:
. Lâmina de bisturi
. Fios de sutura
. Produtos para preenchimento
. Botox
. Enzimas emagrecedoras
. Produtos de fins estéticos vencidos, assim como produtos proibidos pela Anvida
. Esteroides anabolizantes de uso animal
O fisioterapeuta vai responder por exercício ilegal da medicina e crime ambiental (descarte de lixo infectante em desacordo com normas legais). 
Em nota, o Conselho Regional de Fisioterapia e Terapia Ocupacional do Rio de Janeir informou "que existe a especialidade de Fisioterapia Dermatofuncional, e que esta especialidade atua em 7 áreas, dentre elas a Fisioterapia Dermatofuncional em Estética e Cosmetologia. Portanto é facultado ao profissional fisioterapeuta o exercício nesta área. E o Crefito-2, a fim de cumprir seu papel institucional, abrirá processo ético disciplinar para apurar os fatos ocorridos".
Vigilância Sanitária de Nova Iguaçu também acompanhou a ação.

Comentários