Padre Omar está internado com coronavírus

Reitor do Santuário do Cristo Redentor começou a sentir os sintomas na última quinta-feira. Ele está hospitalizado em hospital na Tijuca, na Zona Norte

Por O Dia

Rio, 10/07/2019, Prefeitura anuncia apoio ao projeto social Rodando com Tampinhas, na foto Padre Omar, Foto Gilvan de Souza / Agencia O Dia
Rio, 10/07/2019, Prefeitura anuncia apoio ao projeto social Rodando com Tampinhas, na foto Padre Omar, Foto Gilvan de Souza / Agencia O Dia -
Rio - O padre Omar Raposo, de 41 anos, reitor do Santuário do Cristo Redentor e colunista do O DIA, foi diagnosticado com coronavírus (covid-19) e está hospitalizado desde a última quinta-feira. De acordo com a assessoria de imprensa do Santuário, o quadro do padre é estável. 
Na noite de quinta-feira, Omar deu entrada no Hospital Pró Cardíaco, em Botafogo, na Zona Sul do Rio, com inícios de sintomas parecido com a covid-19. Mas na mesma noite, ele foi transferido para o Hospital São Francisco na Providência de Deus, na Tijuca, na Zona Norte da cidade. Lá, o religioso está internado em uma área de isolamento destinada aos pacientes infectados pelo coronavírus. 
De acordo com a assessoria do Santuário, desde o início da pandemia, o padre Omar estava ativamente ajudando os mais necessitados, entregando doações de alimentos e itens de higiene pessoal, proteção e limpeza em áreas mais vulneráveis e à população em situação de rua. Além disso, eles informaram que assim que o religioso estiver melhor, ele voltará aos trabalhos.
O último boletim do hospital informou que o quadro do paciente não apresenta febre e não sente dor. Ele permanece em área isolada para tratamento de Covid-19, com boa saturação. Os exames laboratoriais dele não apresentam alterações.

Comentários