Policial invade cada na Cidade de Deus enquanto grupo protesta contra excessos - Reprodução/ WhatsApp O DIA
Policial invade cada na Cidade de Deus enquanto grupo protesta contra excessosReprodução/ WhatsApp O DIA
Por O Dia
Rio - Após denúncias de truculência por parte de agentes da PM na Cidade de Deus, Zona Oeste da cidade, na tarde desta terça-feira (9), a corregedoria da corporação informou que possui um canal onde denúncias podem ser feitas contra militares que cometam excesso durantes as ações. Em um vídeo enviado ao DIA, é possível ver um PM entrando em uma casa na comunidade e logo em seguida aparece um rapaz sem farda segurando uma arma, indo na direção dele indo ajudá-lo.
A reportagem questionou à PM quem seria o homem que aparece nas imagens. A corporação disse que um procedimento apuratório interno foi instaurado pelo 2º Comando de Policiamento de Área para averiguar. 
Publicidade
Disse ainda que "não tolera desvios de conduta por parte de seus membros, analisando provas e punindo os envolvidos quando identificados tais atos."
A PM esclarece que anonimato do denunciante é garantido. O contato pode ser feito por telefone através do número (21) 2725-9098 ou ainda pelo e-mail [email protected].
Publicidade
Entenda o caso
Na terça-feira, moradores denunciaram excessos por parte dos militares que estiveram na Cidade de Deus. Um protesto interditou vias da região, como a Estrada Marechal Miguel Salazar Mendes de Moraes e a Rua Edgard Werneck durante a noite.
Publicidade
Já neste manhã, a Polícia Militar realizou uma operação pelo segundo dia consecutivo na comunidade. Atuaram na região equipes do 18ºBPM (Jacarepaguá), do 2º Comando de Policiamento de Área (CPA) e unidades do Comando de Operações Especiais (COE). Até o início da tarde não houve prisões ou apreensões.
Um vídeo registra uma abordagem policial em que um agente chuta e agride uma pessoa na localidade conhecida como Quinze. Em outro registro, um policial aparece arrombando com os pés e invandindo uma casa enquanto moradores protestavam contra truculência.
Publicidade