Secretário Max Lemos inaugura campanha Outubro Rosa da Secretaria Estadual de Infraestrutura e ObrasDivulgação

Rio - A Secretaria de Estado de Infraestrutura e Obras (Seinfra) realizará durante todo o mês uma série de palestras de conscientização sobre o câncer de mama, como parte da campanha Outubro Rosa. Para o secretário Max Lemos, a informação é importante para que as pessoas possam buscar um diagnóstico precoce e iniciar o tratamento.

Na abertura da campanha, o secretário destacou a importância da ação, aplaudiu a proposta da subsecretária Landjara Duarte e reforçou seu compromisso com todas as ações que contribuam para a melhoria da qualidade de vida dos servidores. Ele pediu aos presentes que reforçassem em suas redes sociais a importância da prevenção para uma vida saudável.
"Sabemos da importância de se conscientizar sobre o câncer de mama. É uma doença, que todo mundo sabe que, quando descoberta com brevidade, é possível curar, é possível tratar. Não é porque a gente não é Secretaria de Saúde que não devemos chamar a atenção para essa questão da campanha do Outubro Rosa. A grande crise que o ser humano vive é a falta de informação", afirmou Max Lemos.
Os servidores admitiram que, pela primeira vez na Seinfra, a campanha deixou de ser apenas com folders e se transformou em uma ação mais efetiva. 'Foi uma grande surpresa ver essa abordagem da campanha, que vai além do papel. Em todo o meu tempo de governo, essa é a primeira vez que vejo ações mais efetivas e uma cerimônia de lançamento que abrace os servidores”, frisou Roberta

O projeto da campanha foi desenvolvido pela subsecretária Landjara Duarte e, além de contar com um café da manhã na abertura do evento, terá ainda, durante todo o mês, uma série de palestras com especialistas. A programação de cada semana será divulgada nas redes sociais da Seinfra e será voltada para os servidores. Haverá ainda uma sala específica para exames com profissionais.
Todo mundo sabe que informação é fundamental, principalmente quando se trata de saúde. Por isso estamos promovendo essa campanha que será muito importante, não só para orientar e levar saúde para as mulheres, mas também para os homens. Poucas pessoas sabem, mas existe o câncer de mama masculino. É raro, mas acontece. Então teremos palestras com profissionais que irão orientar os servidores a reconhecer os sinais da doença", concluiu a subsecretária.