Michel Sabarino de Souza trabalhava com o pai e deixa uma filha de um ano Divulgação

Rio - A Delegacia de Homicídios de Niterói, Itaboraí e São Gonçalo (DHNISG) investigam o assassinato de Michel Sabarino de Souza, de 30 anos. Ele foi morto no início da manhã de segunda-feira, dentro do bar do pai, no Barreto, em Niterói.

Testemunhas contaram que por volta das 7h, um homem chega sozinho em uma moto e para em frente ao estabelecimento, na Rua Galvão. Ele desceu, entrou na cozinha do bar e disparou três tiros contra Michel.

O crime aconteceu pouco tempo depois que o pai da vítima deixa o local. A movimentação de chegada e saída do criminoso foi flagrada por câmeras de segurança da região. A ação durou menos de um minuto. Nas imagens, também é possível ver a vizinhança saindo para a rua, após ouvirem os tiros. 
 

A DH de Niterói irá analisar as imagens e ouvir testemunhas para tentar esclarecer as circunstâncias do homicídio, que chocou moradores e comerciantes da região.

"Ele era o filho do dono do bar. Menino gente boa, maneiro. O pai dele também é gente boa pra caramba. O Michel tinha uma filhinha de um ano, a gente não sabe o que aconteceu. O cara chegou de moto, entrou no bar, deu três tiros no garoto, montou na moto e foi embora", disse um amigo da família, que preferiu não se identificar.

O sepultamento de Michel acontece nesta terça-feira, às 15h, no Cemitério Arquiconfraria Nossa Senhora da Conceição, no Barreto.