Angra dos Reis – Depois do Vale do Café e da Costa do Sol, ontem a região Costa Verde sediou mais uma edição do Fórum Regional do Turismo Fluminense promovido pela secretaria de estado de Turismo (Sectur). Angra dos Reis foi o palco de debates acalorados sobre o futuro do setor nos próximos anos. A região vive a expectativa de um aumento significativo do número de visitantes a partir de investimentos e intervenções que vão facilitar a chegada de turistas a Angra, Paraty e Mangaratiba.
Cerca de 400 pessoas participaram da abertura do evento e foram informados pelo secretário de estado de Turismo, Gustavo Tutuca, que as dificuldades apontadas por eles durante as mesas de debate farão parte de um projeto que vai nortear o Turismo do estado pelos próximos 10 anos.
"Não podemos ficar reféns a cada mudança de governo. Precisamos traçar metas para avançar e estamos construindo um trabalho que será deixado como legado desta gestão", disse o secretário.
Tutuca destacou ações que vão modificar a forma de levar turistas para a região Costa Verde, como o investimento de R$ 29 milhões do governo federal para ampliação do aeroporto de Angra dos Reis e R$ 5 milhões do governo do estado para melhorar a infraestrutura do aeroporto de Paraty. Tutuca citou ainda a duplicação da rodovia Rio-Santos e investimentos na estrada Paraty-Cunha, a RJ 165, que liga o município fluminense à cidade paulista.
"Além dessas intervenções regionais nós também estamos realizando importantes ações na cidade do Rio de Janeiro. Estamos preparando o lançamento da nova política de segurança para a Linha Vermelha e Linha Amarela e fizemos a redução do ICMS do querosene para aviação no Rio de Janeiro", completou ele.