De acordo com a presidente do Ipasg, Marcelle Cipriani, a retomada só será feita quando o risco de contágio estiver reduzido - Divulgação
De acordo com a presidente do Ipasg, Marcelle Cipriani, a retomada só será feita quando o risco de contágio estiver reduzidoDivulgação
Por Irma Lasmar
SÃO GONÇALO - Em função da pandemia do novo coronavírus, o Instituto de Previdência e Assistência dos Servidores Municipais de São Gonçalo (Ipasg) decidiu prorrogar a suspensão da prova de vida e do recadastramento obrigatório anual até o dia 28 de fevereiro. A medida leva em consideração a taxa de mortalidade mais alta entre idosos e pessoas com doenças crônicas, público amplamente atendido pelo órgão. A suspensão do recadastramento foi publicada, inicialmente, em março do ano passado, no início da pandemia, e vem sendo prorrogada desde então. De acordo com a presidente do Ipasg, Marcelle Cipriani, a retomada só será feita quando o risco de contágio estiver reduzido.

"Cabe ao Ipasg garantir o bem-estar de seus segurados. Desta forma, estamos mantendo a suspensão e disponibilizando canais de atendimento, por e-mail e telefone, para quem quiser tirar qualquer dúvida sobre o assunto", explica Marcelle.

Quem precisar de atendimento pode enviar mensagem para o e-mail [email protected], bem como entrar em contato pelos telefones 2605-4330 ou 2712-3998, das 9h às 16h30.

A portaria referente à suspensão da prova de vida e do recadastramento obrigatório anual pode ser encontrada no Diário Oficial, através do link: https://servicos.pmsg.rj.gov.br/diario/2021_01_07.pdf .