Vereador de Saquarema envolvido na Lava-jato se posiciona em suas redes sociais

Apartamentos comprados para Paulo Melo, foram negociados pelas empresas que o vereador Eduardo Veiga é procurador

Por O Dia

Vereador Eduardo Veiga publica declaração em redes sociais
Vereador Eduardo Veiga publica declaração em redes sociais -
Saquarema - O vereador Eduardo Veiga (PSB - Saquarema), que faz parte da base eleitoral do deputado Paulo Melo e é seu ex-genro, após ser envolvido em investigações da Operação Favorito, um desdobramento da Lava-jato, como procurador das empresas da Flórida que supostamente negociaram os apartamentos "dados de presente” a Melo, publicou no Facebook uma declaração.

“Eu , Eduardo Veiga, vereador do Município de Saquarema, em resposta as notícias veiculadas nos últimos dias , informo que minhas contas foram todas auditadas e aprovadas por todas as instâncias da justiça, tanto da brasileira como da americana pois gozo de dupla nacionalidade. Minha família lá reside e por isso rotineiramente me dirijo aquele país desde o ano de 2004. As acusações impostas a mim são infundadas. Minha relação com Ex Deputado Paulo Melo é sabida por todos. Já fui genro dele e ele é avô de minha filha. Estou a disposição para esclarecer junto às autoridades qualquer fato envolvendo meu nome.”

Segundo as investigações do Ministério Público Federal, Mário Peixoto é dono da offshore MCK Holdings, nas Ilhas Virgens Britânicas, que fundou em 2015, a MCK USA 1 LLC e MCK USA 2 LLC, na Flórida, administradas pelo vereador.
O dinheiro utilizado na transação das compras das coberturas de Miami é da offshore. A negociação das coberturas foi feita pelas empresas da Flórida, que chegaram a pagar em um dos apartamentos, na época, US$ 1 milhão, equivalente a R$5.750.000,00 (cinco milhões e setecentos e cinquenta mil reais).

Comentários