Observatório Magnético de Vassouras existe há 115 anos - Foto de Joelson Medeiros/Arquivo ON
Observatório Magnético de Vassouras existe há 115 anosFoto de Joelson Medeiros/Arquivo ON
Por O Dia
Além de ser a data em que o Samba é celebrado, 2 de dezembro também é o Dia Astrônomo. A prefeitura de Vassouras e a Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo parabenizaram os profissionais e destacaram a existência do Observatório Magnético da cidade, que completará 116 anos em 2021.
Desde 1º de janeiro de 1915, o Observatório Magnético de Vassouras (OMV) gera dados diários sobre o campo magnético terrestre e que ajudam a entender a estrutura interna do planeta. O centro de observação vassourense faz parte da rede global INTERMAGNET, que define os padrões de qualidade e orienta sobre instrumentação e aquisição de dados. Os resultados obtidos e a pesquisa científica realizada em Vassouras colaboram para a posição de destaque que o Observatório Nacional (ON) possui no cenário científico mundial.
Publicidade
O OMV também integra a Rede Gravimétrica Fundamental Brasileira. Implantada em 1978 pelo ON, a RGFB oferece importante apoio aos laboratórios metrológicos e às comunidade de geociências e física. Em 2015, o Observatório de Vassouras inaugurou o Centro de Visitantes Henrique Morize, que mantém exposição permanente sobre os mais de 100 anos de pesquisas. O nome é uma homenagem ao astrônomo francês naturalizado brasileiro.