Jogos de Inverno foram abertos na Coreia do Sul - AFP
Jogos de Inverno foram abertos na Coreia do SulAFP
Por

Pyeongchang - A 23ª edição dos Jogos Olímpicos de Inverno, em Pyeongchang, na Coreia do Sul, teve sua cerimônia de abertura realizada em uma temperatura de 10 graus negativos, mas o gelo foi tranquilamente quebrado entre duas nações que estão oficialmente em estado de guerra desde 1953. Sul e norte-coreanos entraram no estádio unidos em uma única delegação, que desfilou sob a bandeira com a península coreana. Nas tribunas, pouco antes do início da cerimônia, o presidente sul-coreano, Moon Jae-in apertou a mão de Kim Yo-jong, irmã do líder norte-coreano Kim Jong-un. Ela é a primeira integrante da dinastia que governa a Coreia do Norte a viajar para a Coreia do Sul.

O presidente do Comitê Olímpico Internacional (COI), Thomas Bach, aplaudiu os gestos das duas Coreias na cerimônia e durante os Jogos, já que uma equipe feminina unificada de hóquei no gelo vai participar do evento.

"Vocês nos inspiram a viver juntos em paz e em harmonia, apesar de todas as nossas diferenças. Vocês nos inspiram competindo pela mais alta honra no espírito olímpico da excelência, respeito e fair play", afirmou o alemão. Hoje, representantes dos dois países têm uma reunião para tratar de assuntos políticos e de segurança.

Se as duas Coreias e o COI parecem satisfeitos com os sinais de aproximação de ambos os países, na Rússia, o desapontamento é evidente. Sob uma bandeira com os cinco anéis olímpicos com a denominação Atletas Olímpicos da Rússia (OAR), 170 atletas desfilaram. Os russos estão suspensos pelo COI após o escândalo de doping promovido pelo governo local, institucionalizado para a disputa dos Jogos de Inverno de Sochi-2014.

Ao todo, 2.990 atletas de 92 países vão lutar pelas 102 medalhas de ouro em jogo. O Brasil tem uma delegação de dez atletas: Isadora Williams (patinação artística), Edson Bindilatti, Odirlei Pessoni, Rafael Souza, Edson Martins, Erick Vianna (bobsled), Michel Macedo (esqui alpino), Jaqueline Mourão, Victor Santos (esqui cross country) e Isabel Clark (snowboard).

Você pode gostar
Comentários