Sem hospital de campanha, prefeitura amplia UTI do Centro de Combate ao Coronavírus

Mais 10 leitos intensivos foram criados na unidade de referência; Campos registrou mais duas mortes na sexta

Por O Dia

O Centro de Combate ao Coronavírus (CCC) de Campos tem 29 leitos de UTI
O Centro de Combate ao Coronavírus (CCC) de Campos tem 29 leitos de UTI -
Campos — Com o impasse sobre o hospital de campanha prometido pelo governo estadual e seu provável desmonte, a prefeitura de Campos ampliou a capacidade do Centro de Controle e Combate ao Coronavírus (CCC) com a implantação de mais 10 leitos de UTI. No total, a unidade de referência para a contar com 29 desses leitos. Também foram expandidos os leitos de clínica médica, de 40 para 60.
A medida tenta absorver o crescente número de casos da covid-19 na cidade. Na sexta, foram contabilizadas mais duas mortes pela doença, duas mulheres idosas, de 69 e 72 anos, ambas com condições médicas agravantes. Outros 15 exames retornaram com resultado positivo, o que eleva o total da infectados no município para 460. São investigados 11 óbitos e 128 notificações de SRAG (síndrome respiratória aguda grave) e 1425 de síndrome gripal.
“Já estava no nosso planejamento a possibilidade de ampliar o número de leitos e assim estamos fazendo. Com esses novos leitos podemos aumentar a nossa capacidade de atendimento ao campista e preservar vidas”, destacou o prefeito Rafael Diniz.
O CCC é dedica exclusivamente ao atendimento de pacientes com a confirmação do coronavírus ou com sintomas típicos. A unidade faz a triagem, e encaminha para atendimento ou internação de acordo com a necessidade. O CCC funciona no prédio anexo à Beneficência Portuguesa, na rua Barão de Miracema, 140, Centro.
Quem apresentar sintomas, porém, deve primeiro ligar para a central 192, para receber orientações de como proceder.

Comentários