Prefeitura ainda não definiu em que mês vai conceder reajuste para os servidores

Apesar de voltar a confirmar que os salários serão corrigidos pela inflação, considerando o período acumulado de 2017 e 2018, não foi batido o martelo em qual mês o percentual de aumento sairá nos contracheques do funcionalismo

Por MAX LEONE

-

Rio - A Prefeitura do Rio ainda não definiu em que mês vai conceder reajuste para os servidores municipais. Apesar de voltar a confirmar que os salários serão corrigidos pela inflação, considerando o período acumulado de 2017 e 2018, não foi batido o martelo em qual mês o percentual de aumento sairá nos contracheques do funcionalismo.

O vereador Célio Lupparelli (DEM) fez requerimento de informação à prefeitura sobre o reajuste. A resposta - bem genérica - veio da Subsecretaria de Orçamento Municipal, afirmando que "a Lei Orçamentária Anual 2018 contempla, com dotações orçamentárias, previsão para reajustamento utilizando o IPCA-E acumulado no período".

Mas as dúvidas dos servidores municipais não foram respondidas: de quanto será e quando sairá o aumento. Questionada pela Coluna, a Casa Civil informou que "a prefeitura continua trabalhando para conceder o reajuste até o fim do ano". Mas, sem especificar quando, nem quanto.

Acumulado

Em junho, o secretário da Casa Civil, Paulo Messina, já havia confirmado que o reajuste seria o acumulado de 2017 e 2018. Na ocasião, disse que ainda não havia como divulgar o mês em que a correção viria, mas que seria concedida este ano. Antes, em 8 de abril, a Coluna noticiou que o governo estudava dar correção acumulada.

Pelo IPCA-E

O indicador de inflação utilizado pela Prefeitura do Rio para corrigir os salários dos servidores municipais ativos, aposentados e pensionistas, o IPCA-E, que tem medição feita pelo Instituto Brasileiro de Geografia Estatística (IBGE), acumulou 2,94% ao longo de 2017. E até o mês de junho deste ano, o índice chegou a 3%.

 

 

Comentários

Últimas de Servidor