Reajuste só sairá depois de antecipação salarial para o funcionalismo

Secretário de Fazenda voltou a reforçar essa previsão para servidores do Estado do Rio

Por PALOMA SAVEDRA

No comando da Fazenda fluminense, Luiz Claudio Carvalho assegura depósitos em dia em 2020
No comando da Fazenda fluminense, Luiz Claudio Carvalho assegura depósitos em dia em 2020 -

Se a retomada do calendário antigo de pagamentos do funcionalismo estadual não é medida garantida por agora, uma eventual recomposição salarial está ainda menos perto de acontecer. Mais uma vez, o secretário de Fazenda do Estado do Rio, Luiz Claudio Carvalho, disse à coluna que a antecipação da data de depósito dos salários virá antes de qualquer correção das remunerações dos servidores.  

Desde abril de 2016 que as categorias do Poder Executivo recebem os salários no décimo dia útil do mês seguinte ao trabalhado — ou até essa data. Antes da crise estourar, no fim de 2015, o pagamento saía até o segundo dia útil. Para ser mais realista, a reposição salarial não está perto de sair.

"Isso (reajuste para os funcionários do estado) não está no cenário e não há recursos financeiros para isso ainda. Me parece que a primeira meta seria antecipar os salários de forma definitiva ou para o quinto ou para segundo dia útil do mês, mas antes do décimo dia útil", declarou Carvalho, voltando a afirmar o que já havia antecipado à coluna na edição de 27 de junho.

 

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Galeria de Fotos

No comando da Fazenda fluminense, Luiz Claudio Carvalho assegura depósitos em dia em 2020 Armando Paiva/arquivo O Dia
Secretário estadual de Fazenda, Luiz Cláudio Carvalho alerta para a situação delicada dos cofres do estado Armando Paiva / Agência O Dia

Comentários