Equipe do Ministério da Economia detalhou ontem os números - José Cruz/Agência Brasil
Equipe do Ministério da Economia detalhou ontem os númerosJosé Cruz/Agência Brasil
Por O Dia
A Secretaria de Gestão e Desempenho de Pessoal (SGP) do Ministério da Economia atualizou os dados sobre servidores públicos federais em trabalho remoto e casos confirmados da covid-19 no âmbito do Poder Executivo Federal Civil. As informações foram coletadas na semana de 20 a 24 de abril.
De acordo com os dados, o número de funcionários infectados aumentou de 285 para 317 de uma semana para outra. O levantamento aponta ainda que 47% dos servidores públicos federais civis em trabalho remoto. No levantamento anterior, referente à semana de 13 a 17 de abril, o índice era de 46,13%.
Publicidade
Institutos federais de fora

Os números não incluem as Instituições Federais de Ensino Superior (Ifes) – uma vez que o Ministério da Educação divulga o retrato da situação delas em seu portal.

Excetuando-se as Ifes, mais da metade (52%) das unidades administrativas de gestão de pessoas encaminharam os dados à SGP referentes à semana em análise. Esse montante representa 55% dos servidores públicos federais ativos, o que corresponde a 153,2 mil servidores.

Mobilização

O Ministério da Economia está realizando a coleta de dados, no âmbito do Poder Executivo Federal Civil, por meio de uma ferramenta online disponibilizada aos órgãos e entidades da Administração Pública Federal. A gestão dessas informações está sendo realizada de forma descentralizada. A SGP tem buscado o máximo possível da colaboração dessas unidades gestoras, para a atualização semanal dos dados e para obter informações sobre a totalidade dos servidores.

Campanha

A Campanha #contecomigo #suavizeacurva liderada pela SGP tem levado aos cerca de 600 mil servidores públicos federais ativos mensagens de motivação, dicas para o trabalho remoto, de saúde e bem estar.
Na página virtual da campanha, também estão todas as instruções normativas já publicadas com as orientações sobre a gestão de pessoal durante o período de isolamento social.