Ela é puro sorriso e carisma

A porta-bandeira Selminha Sorriso fala sobre sua trajetória como um ícone do Carnaval, que se tornou exemplo de vida para muitas crianças e jovens

Por O Dia

Selminha Sorriso, porta-bandeira da Beija-Flor
Selminha Sorriso, porta-bandeira da Beija-Flor -

Rio - O nosso mulherão de hoje é muito mais que um belo sorriso, ela é alegria pura. Um ícone do Carnaval carioca, a porta-bandeira Selminha Sorriso abriu seu coração e contou para a gente o que está por trás desse furacão de mulher. A artista, que representa a escola de samba Beija-Flor há 25 anos, completou 50 anos esbanjando beleza e carisma. A sambista é engajada em projetos sociais e inspira crianças e jovens com sua carreira de sucesso e exemplo de vida.

O que Carnaval representa para você?

O Carnaval representa muita coisa para mim. É a minha vida, minha paixão. O Carnaval transformou minha vida, me deu muitas oportunidades, diminuiu a condição que eu vivia de desigualdade. Sou muito grata ao Carnaval, muito mesmo!

Como é a Selminha no dia a dia?

Todos os dias eu treino, cuido da minha casa, do meu filho, do namorado... Faço tudo com muito carinho. Tenho muitos amigos, mas infelizmente não posso estar com eles sempre. Mas são relações lindas! Minhas amizades são bem duradouras. Nesse momento, estamos distantes fisicamente, mas juntos no contato de coração e no sentimento, assim também como os meus familiares. Não podemos estar juntos, mas sempre que posso faço contato, guardando e zelando por todos. Cuidamos uns dos outros no coração.

Muitas mulheres se inspiram em você. O que você diria para essas mulheres?

Eu costumo falar para todas as mulheres, principalmente as mulheres que já passaram dos 30, 40, 50 e até 60 anos, que todas devem se olhar e se amar. Devem sempre buscar algo que traga prazer, felicidade e muita tranquilidade. Elas não devem se cobrar tanto, é preciso pensar que cada um é de um jeito, cada um tem a sua beleza, tem algo que vai ser o seu ponto forte. Tentar não se comparar a ninguém, cada um é cada um, cada um é único. Mas é importante sempre ter inspirações, sempre ter alguém que de alguma forma te inspira. Mas sem perder sua essência, seja sempre você.

Você é muito engajada em projetos sociais. Como é atuar ajudando as pessoas?

O projeto social que realizamos com jovens, crianças e famílias no Carnaval, para mim é muito especial. Especial é essa oportunidade que esses jovens têm, de ter essa diminuição da desigualdade que é muito grande. O Brasil é um país muito desigual, precisamos mudar isso. Para mim, o Carnaval tem essa missão, de agregar e ensinar valores, de estarmos juntos, sendo uma família, ensinar noções de ética, respeito, disciplina. E eu faço o meu papel, que é colaborar com essas famílias, dando para essas crianças um pouquinho da minha experiência, sendo referência. Por isso me preocupo tanto e sei que é importante que eu esteja sempre fazendo o bem, coisas boas, para que eu seja referência para esses jovens.

Como está sendo esse período de isolamento social para você?

Estamos juntos de uma forma virtual. Para os meus jovens do projeto social tento estar com eles no dia a dia virtual, nas missões, nos trabalhos, deixando nossa missão com a escola Beija-Flor viva, ajudando na nossa cultura e no social. Estamos juntos de forma virtual e está sendo bem bacana. As famílias estão interagindo. Não sofri com o isolamento. Tive insegurança, incertezas, sou humanada, claro! Mas comecei a me reinventar, a ajudar e estar mais próxima dos meus familiares e amigos.

Selminha Sorriso, porta-bandeira da Beija-Flor - Eduardo Hollanda

Você completou 50 anos e está linda. Qual o segredo desse mulherão?

50 anos são 50 anos, né? Obrigada pelo elogio! Antes do meu aniversário, eu fiquei uma semana pensando, triste, pois não poderia fazer uma festa. E adoro festas! Não teria uma festa presencial, mas depois me dei conta: Nossa, estou com saúde e isso é o que importa! Festa a gente faz assim que puder. Mas só em estar viva, com saúde, já é um motivo de festa, de muita comemoração. Nem sei se eu sou um mulherão (risos), mas o segredo para mim é agradecer mais do que pedir, entre outras formas de viver a vida que eu tenho. É importante se cobrar, mas se amar acima de tudo.

Qual sua expectativa para viver a Chica da Silva no cinema?

Minha inspiração veio das mulheres brasileiras deste século, que estão tendo que se reinventar, não se deixando escravizar, tendo mil funções e dando conta de tudo. Além das supermulheres da pandemia, que se revelaram mais ainda. Dou parabéns para cada mulher brasileira, de onde tirei a inspiração. Espero que no final do ano, quando o filme for lançado, que seja um grande sucesso bem como uma grande reflexão para todos nós.

Pode deixar dicas de beleza para nossas leitoras?

O segredo é manter uma alimentação saudável, sem neuroses e sem excesso de rigidez. Praticar atividade física e ter sempre um batonzinho nos lábios. Não ficar feia perto do seu companheiro, mesmo estando em casa. Tem que estar sempre bonita e com autoestima elevada! Mulheres, amor próprio é fundamental!

 

Galeria de Fotos

Selminha Sorriso, porta-bandeira da Beija-Flor Eduardo Hollanda
Selminha Sorriso, porta-bandeira da Beija-Flor Eduardo Hollanda
Selminha Sorriso, porta-bandeira da Beija-Flor Eduardo Hollanda

Comentários