Festival gastronômico reúne refugiados no Sesc da Tijuca

Evento com pratos típicos, que ocorrerá no sábado, terá entrada gratuita

Por O Dia

Feijão fradinho nigeriano
Feijão fradinho nigeriano -

O Rio Refugia, festival gastronômico, cultural e social, chega ao seu segundo ano em um novo espaço: a unidade do Sesc Tijuca. O evento reunirá novamente brasileiros e 11 nacionalidades neste sábado, das 10h às 17h, data escolhida por ser o Dia Mundial do Refugiado. Com entrada gratuita, o evento é feito em conjunto entre o Abraço Cultural, do Programa de Atendimento a Refugiados do Cáritas, do Chega Junto e do Sesc RJ.

Pratos típicos serão apresentados em uma das barracas de comidinhas, com especialidades de países como Haiti, Síria, Congo, Venezuela, Índia, Nigéria e Camarões. Entre as iguarias, haverá barraca com bolos e arepas da Venezuela. Do Haiti, terão sopa de abóbora e o prato mais comum das ruas haitianas: uma saladinha verde, com alface, repolho e tomate, dois pedaços de frango frito e uma versão da banana da terra em formato de disco. No estande da Nigéria, a estrela será o arroz jollof, prato de arroz com tomate, cebola e especiarias. Os sírios também terão espaço cativo no evento, com barracas de salgados árabes, falafel e kebbab.

Prato shawarma, no Rio Refugia - Divulgação

Estão programadas ainda oficinas de danças regionais, pintura, música e atividades. Entre as ações, haverá oficina de tranças, pintura facial para crianças (Colômbia), tatuagem indiana (Venezuela), caligrafia árabe (Marrocos) e percussão Djembe para crianças (Senegal/Haiti).

Culinária do Tongo representada no evento - Divulgação

MÚSICA E ARTESANATO

Quem for ao Sesc Tijuca, poderá conferir os shows de Zola Star, do Congo, e da Banda de Salsa Saoko, da Colômbia. Também da Colômbia, será possível conferir artesanato e bijuteria típicos do pais andino além de um estande com moda étnica da (MSG - Mulheres do Sul Global).

Galeria de Fotos

Feijão fradinho nigeriano Divulgação
Culinária do Tongo representada no evento Divulgação
Prato shawarma, no Rio Refugia Divulgação

Comentários

Últimas de Empregos e Negócios