Ferrari espera ser competitiva em Silverstone e reduzir vantagem

Chefe da equipe, Stefano Domenicali, fez projeção para a corrida disputada no próximo fim de semana

Por felippe.franco

Reino Unido - O chefe de equipe da Ferrari, Stefano Domenicali, declarou nesta terça-feira que acredita que a escuderia italiana poderá ser competitiva na disputa do Grande Prêmio da Grã-Bretanha, no próximo fim de semana, em Silverstone.

"Nosso objetivo é reduzir a desvantagem para a liderança (do campeonato) nas três próximas corridas. Acho que em Silverstone seremos competitivos, como fomos recentemente no circuito, mas há outros fatores que devem ser levados em conta. Os pneus? Dependem muito da meteorologia e da temperatura", declarou Domenicalli, que destacou que "a equipe está tranquila e centrada" na luta por um bom resultado.

A Ferrari é a segunda colocada tanto no Mundial de construtores, em que tem 145 pontos, 56 a menos que a Red Bull, e no de pilotos, no qual o espanhol Fernando Alonso soma 96, contra 132 do alemão Sebastian Vettel, da equipe austríaca. O dirigente também comentou o baixo rendimento do carro da escuderia, o Ferrari F138, durante os treinos de classificação e garantiu esforço máximo para mudar essa situação.

"Estamos fazendo todo o possível. Nossos engenheiros estão trabalhando intensamente nesse aspecto porque sabemos que não podemos deixar nossos pilotos largando muito atrás. O objetivo é pelo menos ocupar uma das duas primeiras filas, apesar de desejarmos a pole position se for levado em conta nosso potencial de corrida", salientou.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia