Maradona sobre treinar Mario Balotelli: 'Daria para mim um grande prazer'

Ídolo argentino também revela que está na torcida pelo título de uma seleção sul-americana na Copa do Mundo deste ano

Por rodrigo.hang

Emirados Árabes - O ex-craque Maradona segue polêmico como sempre. Em passagem por Dubai, o ídolo argentino elogiou Balotelli nesta segunda-feira e afirmou, em entrevista ao jornal italiano Gazzetta dello Sport, que seria um "grande prazer" treinar o atacante e que ele só poderia ser criticado pelas atuações, não por seu comportamento fora de campo.

“Treinar Balotelli? Daria para mim um grande prazer. Não sei por que todos vão contra ele e deixam a sua vida mais difícil. Com Mario, gostaria de conversar cara a cara, sozinho num quarto. Contaria a ele as minhas experiências. Saberia o que fazer com elas. Seria julgado pelo que faz em campo. Ninguém pode ensiná-lo a viver. Deixem-no em paz”, revelou El Pibe de Oro.

Maradona revela que seria um grande prazer treinar Balotelli e que os dois se dariam bemEfe

O ídolo argentino também foi perguntado sobre a Copa do Mundo deste ano. Campeão e eleito o melhor jogador do torneio em 1986, ele afirmou que está na torcida, obviamente, pelo título tricampeonato da Argentina, ou pela conquista de uma seleção sul-americana, já que a competição é no Brasil.

"Se a Copa é jogada na América do Sul, deve ganhar uma seleção sul-americana. Naturalmente, espero que seja a Argentina. Na frente, temos ótimos jogadores. O problema é a defesa", finalizou Maradona, preocupado com o setor defensivo comandado por Alejandro Sabella.

Atualmente, Dieguito é técnico do Iraque. A seleção do Oriente Médio não conseguiu se classificar para a Copa do Mundo deste ano.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia