Manny Pacquiao aceita condições para enfrentar Floyd Mayweather

Duelo pode reunir os dois maiores nomes do boxe na atualidade

Por victor.abreu

Estados Unidos - A tão aguardada luta entre o filipino Manny Pacquiao e o americano Floyd Mayweather Jr, reivindicado no mundo do boxe há pelo menos seis anos, está perto de ser confirmada e teve mais um passo para isso com a aceitação das condições por parte do pugilista asiático.

Agora falta saber se Mayweather, de 37 anos, aceita as condições apresentadas a ele ou faz uma contraproposta. Entretanto, tudo indica que o boxeador invicto em 47 combates, 26 deles vencidos por nocaute, aceitará as condições e que a luta será anunciada oficialmente no fim deste mês e acontecerá em maio.

Falta o O.K. de Mayweather para que o duelo ocorrerReuters

O encarregado de dar a notícia de que Pacquiao, de 36 anos, aceitou os termos foi seu promotor, Bob Arum, que revelou que seu pupilo já chegou a um acordo para lutar em 2 de maio na MGM Grand Garden Arena, em Las Vegas.
Arum disse que quando o americano ver que tem a possibilidade de ganhar US$ 120 milhões, 60% da cota para os lutadores, não terá razão para rejeitar entrar no ringue.

Além disso, uma recusa poderia ser vista como medo de perder para o filipino, que registra 57 vitórias, 38 delas por nocaute, cinco derrotas e dois empates.

"Entendo que será uma boa bolsa, e é algo que o público realmente quer, mas também que Floyd se deu conta que para ele o pior rival é Manny Pacquiao", avaliou o promotor do Filipino, em tom de provocação.

De acordo com Arum, os representantes de Mayweather têm todas as informações sobre o conteúdo do contrato, mas ainda precisam aprová-lo.

Já se fala também que o combate será promovido de forma conjunta pelas duas emissoras que possuem os direitos de transmissão dos pugilistas, a HBO, que tem os de Pacquiao, e a Showtime, que adquiriu os de Mayweather.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia