Maradona é anunciado como técnico de time da segunda divisão do México

Ex-jogador terá como auxiliar companheiro de título do Mundial de 86, vencido pela Argentina no país

Por O Dia

Maradona falou sobre drogas
Maradona falou sobre drogas -

Cidade do México - Diego Armando Maradona foi contratado como técnico da equipe do Dorados, da segunda divisão do México. O ex-jogador foi anunciado pelo clube pouco tempo depois de deixar o comando do Dinamo Brest, de Belarus, e substituirá o técnico mexicano Francisco Ramírez, que deixa a equipe na 13ª posição do campeonato da segunda divisão, que conta com 15 times.

Maradona é "considerado por muitos como o melhor jogador de todos os tempos e se caracterizou por liderar equipes com garra para levá-las a realizações que muitos duvidavam", destacou nesta quinta-feira a direção do Dorados ao comunicar a contratação. Em sua nova missão, o ex-jogador terá como auxiliar técnico o ex-goleiro Luis Alberto Islas, que também foi campeão com a Argentina na Copa do Mundo do México, em 1986.

O anúncio da contratação de Maradona por uma equipe de Sinaloa fez explodir nas redes sociais comentários sobre a antiga relação do craque com as drogas. Dorados de Sinaloa tem sua sede em Culiacán, uma cidade com altos níveis de violência e área de operação do Cartel do Pacífico, organização dedicada ao tráfico de drogas fundada em 1989 pelo célebre Joaquín 'El Chapo' Guzmán, hoje preso nos Estados Unidos.

O Dorados de Sinaloa foi fundado em 2003 e após um ano na segunda divisão subiu para a primeira, caindo em 2006. Em 2012 o Dorados obteve sua maior conquista, ao levar a Copa do México com o ídolo local Cuauhtémoc Blanco. O time voltou à primeira divisão em 2015 e caiu novamente no ano seguinte

 

Últimas de Esporte