No reencontro de Cristiano Ronaldo com o Manchester, Juventus vence e dispara na ponta

Equipe italiana tem nove pontos na Liga dos Campeões

Por ESTADÃO CONTEÚDO

Juventus derrotou o United
Juventus derrotou o United -

Rio - A Juventus visitou o Manchester United nesta terça-feira e se aproximou da vaga na próxima fase da Liga dos Campeões. No reencontro de Cristiano Ronaldo com o clube que o projetou para o mundo, a equipe italiana aproveitou o ótimo início de jogo para levar a melhor por 1 a 0, mesmo em Old Trafford, com gol de Dybala.

Ronaldo não foi brilhante, mas participou do gol e das melhores jogadas do time de Turim, que, com o resultado, chegou a nove pontos, disparando na ponta do Grupo H, já a cinco do Manchester, vice-líder, e sete do Valencia, terceiro colocado, que apenas empatou com o Young Boys nesta terça. Na próxima rodada, dia 7 de novembro, o Valencia recebe o Young Boys, e a Juventus pega o Manchester em casa.

Mesmo jogando em Manchester, foi a Juventus que tomou iniciativa nesta terça, abusando das jogadas pelo lado direito. E foi por ali que saiu o gol. Aos 16 minutos, Cristiano Ronaldo recebeu e cruzou, Cuadrado dividiu com Smalling e a sobra ficou com Dybala, que apareceu livre para marcar seu quarto gol nesta edição do torneio.

O gol deixou o Manchester atordoado, e a Juventus só não ampliou na etapa inicial por causa de De Gea. Aos 21 minutos, Cancelo tabelou com Ronaldo e encheu o pé da entrada da área, exigindo grande defesa do goleiro. Mais tarde, o espanhol voltou a aparecer, com belas defesas em tentativas de fora da área do mesmo Ronaldo e de Matuidi.

Para o segundo tempo, o Manchester mudou de postura, ganhou o campo de ataque, mas cedeu o contragolpe ao adversário. Aos seis minutos, Cuadrado recebeu pelo lado direito e rolou para Ronaldo, que finalizou no ângulo. De Gea, mais uma vez, voou para impedir o segundo.

Lembrando o estilo da Juventus de temporadas passadas, o time italiano se fechou na defesa, deixou de incomodar o Manchester, mas também não sofria grandes sustos. O time da casa, por sua vez, ocupava o campo ofensivo, rodava a bola, mas exibia a falta de criatividade pela qual tanto tem sido criticado.

Sem conseguir adentrar a área italiana, o Manchester passou a tentar de fora, e foi assim que quase empatou aos 29 minutos. Pogba arriscou de esquerda, a bola tocou na trave, na cabeça do goleiro e saiu. Daí para frente, a Juventus soube controlar totalmente as ações do adversário, que deixou o campo mais uma vez decepcionando sua torcida.

Últimas de Esporte