Tribunal recusa pedido de pontos ao Boca Juniors na final da Libertadores

Decisão será realizada no domingo em Madri, na Espanha

Por AFP

Ônibus do Boca foi apedrejado
Ônibus do Boca foi apedrejado -

Paraguai - O Tribunal de Apelações da Conmebol recusou o protesto do Boca Juniors, nesta quinta-feira, depois do clube pedir os pontos da final da Libertadores por conta das agressões sofridas antes do jogo de volta contra o River Plate.

A entidade decidiu "desestimar o recursos de apelação apresentados pelo Clube Atlético Boca Juniors no dia 30 de novembro de 2018 contra a decisão ditada pelo Tribunal de Disciplina da Conmebol, do dia 29 de novembro de 2018", indicou o Tribunal de Apelações da entidade.

A resolução se definiu três dias antes de Boca e River disputarem a superfinal da Libertadores no estádio Santiago Bernabéu, em Madri. A partida foi transladada para a capital espanhola depois de torcedores do River atacarem o ônibus do time adversário com pedras, nos arredores do estádio Monumental dia 24 de novembro.

Últimas de Esporte