Mauro Cezar detona expulsão em clássico: 'Vão para o inferno, malditos coveiros do futebol'

Jogador foi comemorar nos braços da torcida e acabou pagando caro por isso

Por Lance

Mauro Cezar Pereira
Mauro Cezar Pereira -
Rio - Ao marcar o segundo gol da vitória do Corinthians sobre o Santos na manhã deste domingo, o jovem atleta Janderson foi comemorar nos braços da torcida e acabou pagando caro por isso, ao receber o segundo amarelo e ser expulso por infringir a regra.

Muitos torcedores e jornalistas se revoltaram novamente com a regra que proíbe o jogador de ir comemorar com a torcida em casos de gols, algo que é passivo do cartão amarelo.

Um dos que saíram em defesa do atacante corinthiano foi o comentarista Mauro Cezar Pereira, da ESPN. Segundo Mauro, 'os torcedores precisam se mobilidade contra essa agressão contínua ao esporte'.

"Quer saber? Vão para o inferno, malditos coveiros do futebol. Porra, o rapaz faz o gol, vai nos braços do povo e o expulsam? Precisamos nos mobilizar contra essa agressão contínua ao nosso esporte", afirmou.

O Corinthians bateu o Santos por 2 a 0 na manhã de domingo na Arena Corinthians, com gols de Everaldo e Janderson.
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários