Washington Rodrigues: Tite erra ao avaliar

As vitórias da Seleção nos amistosos pós-Copa, que fazem parte da série 'Me dá um dinheiro aí', empolgaram o técnico

Por O Dia

Tite, técnico da seleção brasileira
Tite, técnico da seleção brasileira -

Rio - As vitórias da Seleção nos amistosos pós-Copa, que fazem parte da série 'Me dá um dinheiro aí', empolgaram o técnico Tite (foto). Nessa última, 1 a 0 sobre o Uruguai, destacou o domínio brasileiro ao longo do jogo, não explicando porque a equipe chutou apenas quatro vezes no gol e porque precisou da benção da arbitragem para conseguir a vitória graças a um pênalti mal marcado. Alegou que o forte sistema defensivo adversário impediu um resultado mais folgado. Não considerou o fato desse tal fortíssimo poderio defensivo, montado pelo técnico Óscar Tabárez, ter sofrido seis gols nos dois amistosos anteriores contra as fracas seleções da Coreia do Sul e Japão. O time brasileiro não mostrou qualquer evolução, o meio de campo sem Casemiro e Coutinho não funcionou, o ataque improdutivo não incomodou e a extrema defesa não teve problemas para conter os sonolentos Suárez e Cavani. Amanhã teremos mais blá-blá-blá.

MENGÃO CONQUISTA OITO PONTINHOS

A rodada foi amplamente favorável para o Flamengo, vencendo o Sport por 1 a 0, lá na Ilha do Retiro, com um gol de cabeça de Willian Arão, mesmo com dez homens em campo. Lucas Paquetá foi expulso pelo segundo cartão amarelo ao cometer uma falta boba. Desta maneira, o Flamengo faturou oito pontos: os três que conseguiu no Recife, mais os que caíram no seu colo três que o Internacional deixou na derrota para o Botafogo e mais dois, do empate do Palmeiras com os reservas do Paraná. Campeonato Brasileiro mais mole da história dos pontos corridos.

 

PEDALADAS

Além de prejudicar o Vasco dentro de campo, não dando pênalti claro contra o Corinthians, o árbitro Wilson Sampaio ainda carregou na súmula. Além de citar Maxi López, que nem jogou, acusou dirigentes, entre eles o presidente Alexandre Campello, treinador e relatou que a torcida jogou cadeiras no campo.

Aos 28 anos, Alan, do Napoli, estreou na seleção brasileira contra o Uruguai e recebeu os elogios do Tite. Pelo visto, já pode jogar no futebol da Inglaterra.

BOLA DENTRO

Botafogo do Zé Ricardo conseguiu uma vitória maiúscula sobre o Inter por 1 a 0, se livrando da ameaça de rebaixamento e pensando em coisa melhor na reta final.

BOLA FORA

Jogadores ostentando faixas da campanha Paz nos Estádios e saindo na porrada no final do jogo Botafogo x Inter. É o tal do "faça o que eu digo, mas não faça o que faço".

 

Comentários

Últimas de A Palinha Do Apolinho