Chamado de mercenário por torcedores, Sassá rebate: 'estão falando besteira'

Jogador usou uma rede social para interagir com seus seguidores, mas acabou irritado com alguns comentários dos botafoguenses

Por O Dia

Rio - A negociação para manter Sassá no Botafogo ganhou alguns obstátculos, após atacante pedir cerca de R$ 5 milhões de luvas e um salário de aproximadamente R$ 300 mil. A proposta deixou a diretoria assustada e também mexeu com os ânimos dos torcedores, que estão acusando o jogador de ser 'mercenário'.

Sassá ficou irritado com as críticas da torcidaVitor Silva / SS Press / Botafogo

Na última quinta-feira, Sassá utilizou uma de suas redes sociais para interagir com os torcedores, em transmissão ao vivo. Porém, o atacante não conseguiu escapar das críticas e ficou bastante irritado com os comentários dos botafoguenses.

“É, eu sou mercenário. Estou há oito anos no Botafogo e vou ser mercenário no último ano? Só pensar um pouco, só pensar” – “Oito anos de Fogão. Já passei por muitas coisas, agora quero só ser feliz. Sou feliz no Botafogo e ninguém vai tirar minha felicidade nem minha paz. Eu e meu cavalo, nem cavalo aguenta”, disse o jogador.