Flamengo quer ver rivais correndo atrás do prejuízo

Jogadores do Fla fazem pouco caso do drama alheio, mas garantem que não vão secar

Por pedro.logato

Rio - Praticamente de férias, o Flamengo assiste de camarote ao drama dos rivais. Vasco e Fluminense agonizam, e pelo menos um será rebaixado. Já o Botafogo pode ficar fora da Libertadores depois de frequentar o G-4 durante 29 rodadas. Mas o artilheiro Hernane prefere deixar o secador guardado. Para o Brocador, essa história de torcer contra é coisa da torcida arco-íris.

Hernane ignora luta de rivais contra degolaAndré Mourão / Agência O Dia

“O Flamengo é diferente, procura fazer a parte dele dentro de campo. Essa coisa de secar é com o Edmilson (atacante do Vasco). Independentemente de quem cair, não vai fazer diferença. Quem secou conseguiu o efeito contrário. Deu sorte para o Flamengo, que conquistou o título”, disse o camisa 9, na chegada, ontem, ao Rio, cutucando o jogador vascaíno, que havia dito que secaria o Rubro-Negro na final da Copa do Brasil.

“Não seria muito bom para o futebol do Rio ter dois times na Segunda Divisão. O campeonato fica pouco disputado, e, sempre quando cai, cai um. O Fluminense, por fazer um bom campeonato no ano passado, ser o campeão, e esse ano cair, ficaria ruim para o futebol carioca”, emendou.

O zagueiro Samir e o restante do grupo seguem a mesma linha. No discurso, ninguém torce contra. Mas para a torcida rubro-negra, todo castigo para rival secador é pouco.

“Deixa eles correrem atrás.Fizemos o nosso papel, que era vencer a Copa do Brasil e nos livrarmos do rebaixamento no Campeonato Brasileiro. Agora é com eles”, disse Samir

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia