Mais Lidas

Flamengo quer repatriar ex-zagueiro do Corinthians e da seleção brasileira

O objetivo da diretoria rubro-negra é que o grupo esteja completo na reapresentação do elenco, marcada para o dia 11 de janeiro

Por luis.araujo

Rio - Apesar de ter encerrado o Campeonato Brasileiro com uma das melhores defesas da competição, a comissão técnica do Flamengo pensa em novos reforços para o setor. O zagueiro Gil, ex-Corinthians e com passagens pela seleção brasileira, atualmente no futebol chinês, entrou no radar do clube rubro-negro.

Ele tem contrato por mais três temporadas com os chineses, mas não vem sendo aproveitado e foi oferecido ao Corinthians. No entanto, em meio à efervescência política no clube paulista, que ainda não definiu o treinador para a temporadas de 2017, o Flamengo teria entrado na negociação para trazê-lo.

Gil pode estar voltando para o Brasil CBF

Outros três jogadores interessam ao clube. O argentino Darío Conca é o principal nome para reforçar a equipe para a Libertadores da América, mas depende de uma avaliação mais detalhada sobre a recuperação de uma cirurgia no joelho esquerdo, já que poderia voltar aos gramados somente em março. 

O atacante Marinho, do Vitória, é mais um nome que ganha força, apesar de o clube baiano prometer muito empenho para mantê-lo, principalmente por estar trocando a diretoria. 

Um dos principais destaques do Brasileiro, Marinho tem vínculo com o Vitória, mas a diretoria do clube carioca acredita num acordo para reduzir o valor da multa rescisória, estipulado em 5 milhões de euros (o equivalente a R$ 17,7 milhões). Os salários do jogador já estariam acertados. 

O volante Rômulo, ex-Vasco, atualmente no Spartak Moscou, está apalavrado com o Rubro-Negro e deve assinar em breve, desde que se confirme a liberação do clube russo, com o qual tem contrato até junho de 2017. 

O objetivo da diretoria rubro-negra é que o grupo esteja completo na reapresentação do elenco, marcada para o dia 11 de janeiro.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia