Mais Lidas

É do Flamengo? Julgamento do Brasileiro de 87 será retomado nesta terça

Acostumado a jogar em Brasília, rubro-negro terá 'decisão' no plenário do Supremo Tribunal Federal

Por caio.belandi

Rio - Quase 30 anos após a vitória contra o Internacional na final da Copa União, os torcedores do Flamengo esperam um novo 'gol' nesta terça-feira. Dessa vez, a decisão não será no Maracanã, mas em Brasília. Não no Estádio Mané Garrincha, onde o time tem se acostumado a jogar, mas no plenário do Supremo Tribunal Federal, onde o recurso do clube pleiteando o título de campeão brasileiro de 1987 será apreciado.

O julgamento do caso será retomado após pedido de vista do ministro Luís Roberto Barroso, em agosto do ano passado. A Primeira Turma do STF decidirá o caso e está 'escalada', além de Barroso, com os ministros Luiz Fux, Rosa Weber, Alexandre de Moraes e Marco Aurélio Mello. O Flamengo tenta virar o jogo: o único voto conhecido, curiosamente, é o de Marco Aurélio Mello, que é rubro-negro e votou contra o recurso.

Zico levanta a Copa União de 1987. Flamengo tenta ser declarado campeão brasileiroDivulgação

Relembre a Copa União de 87

Em 1987, a CBF não pôde organizar o Campeonato Brasileiro. Com isso, foi criada a Copa União realizada pelo Clube dos 13. A competição foi disputada em dois módulos: o verde e o amarelo. O primeiro com os principais clubes brasileiros e o segundo com equipes mais modestas. Ao fim do torneio, o Flamengo foi campeão e teve o Inter como vice no módulo verde, enquanto Sport e Guarani ocuparam as mesma posições, respectivamente, no amarelo.

Imparcialidade: ministro Marco Aurélio Mello é flamenguista fanático, mas votou contra recurso do clubeCarlos Humberto/SCO/STF - 29.03.16

A CBF então decidiu voltar à organização e decretou que a competição ainda teria um quadrangular entre as quatro equipes para decidir o campeão. Por se sentirem prejudicados, Flamengo e Internacional não aceitaram jogar e o Sport foi declarado na ocasião como o vencedor, decisão que está em vigor na Justiça e da qual o Fla recorre.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia