Mais Lidas

Presidente do Flamengo é eleito o administrador do ano por instituição de ensino

Durante a conversa com professores e alunos, Eduardo Bandeira de Mello falou sobre todas as dificuldades de presidir o clube rubro-negro

Por jessyca.damaso

Rio - O dia do administrador foi comemorado no dia 9 de setembro. Para celebrar a data, a Faculdade Estácio de Sá, campus Norteshopping, realizou uma enquete com os alunos para escolher o administrador do ano de 2017, o vencedor receberia uma homenagem da Instituição. O presidente do Flamengo Eduardo Bandeira de Mello levou a melhor e esteve no campus, na última segunda-feira para receber uma placa e conversar com os alunos e professores.

O presidente do Flamengo Eduardo Bandeira de Mello ganhou o prêmio de administrador do ano de 2017Divulgação / Alex Campos

Bandeira estava muito lisonjeado por mais um reconhecimento na carreira. Para o mandatário, é muito legal conversar com universitários sobre a profissão.

"É sempre um grande prazer estar aqui na Estácio, que é patrocinadora de basquete do Flamengo. Não é a primeira vez que eu venho aqui. Já estive aqui outras vezes. Fico muito feliz com a homenagem. É muito legal conversar com vocês e receber este feedback", disse o presidente, que conversou um pouco mais de uma hora com o auditório lotado.

Bandeira contou sobre a sua experiência administrativa, falando sobre sua trajetória no BNDES, onde passou num concurso e fez carreira por 36 anos até chegar no Flamengo para trabalhar como gestor esportivo. O presidente sentou-se na mesa junto com os professores Ubiratan e o professor Ricardo. Quem mediou a conversa foi o professor Gleinner Costa.

Muito solícito, Eduardo Bandeira não fugiu de nenhuma questão e falou sobre todas as dificuldades de presidir o clube rubro-negro.

"Quando você lida com futebol você tem que dar a voz para quem trabalha com aquilo, quem entende daquilo. Nossa missão lá é dar voz pelo Flamengo. Eu tenho certeza que o caminho é este". explica o mandatário continuando: "O Flamengo tem 40 milhões de torcedores, você tem pressão de tudo o que é lado. E você tem uma diretriz que tem que seguir. Sempre evitando ao máximo sucumbir as pressões." explicou.

Outro momento surpresa para o mandatário, foi o samba feito pelo compositor Vinicius Vian junto com Pedrinho do Cavaco e Luizinho Oliveira sobre a história de vida do presidente Visivelmente emocionado, Bandeira recebeu o cd das mãos de Vinícius e ficou muito satisfeito com a obra. "Muito legal mesmo, gostei bastante, nunca imaginei ter um samba sobre mim", finalizou Eduardo Bandeira de Mello.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia