Sem revelar titulares, Barbieri afirma que jogo contra Corinthians será duelo do ano

'Vamos fazer de tudo para passar', declarou o comandante do Flamengo

Por O Dia

Barbieri
Barbieri -

Rio - O Flamengo enfrenta o Corinthians pela semifinal da Copa do Brasil na próxima quarta-feira. O treinador Maurício Barbieri não revelou o time que entrará em campo, mas afirma que será o duelo do ano.

"É o jogo mais importante do ano, em se tratando de Copa do Brasil. Vamos fazer de tudo para passar, mas não diminui a responsabilidade no Brasileiro. (...) O tempo é curto. Tem que pensar mais na recuperação dos jogadores. Temos escolhas importantes a fazer. Farei de acordo com as características do adversário. Não posso adiantar as escolhas para vocês (jornalistas)", disse.

''Diego pode ficar fora, assim como qualquer outro jogador'', completou.

O Flamengo viajará após o treino desta terça-feira para São Paulo, para se preparar para o jogo de volta contra o Timão. Há duas semanas, os times empataram sem balançar as redes. Porém, pela ausência de gols no último jogo, Barbieri acredita que Jair Ventura leve para campo um time mais ofensivo.

"Acho que a tendência é que eles mudem a postura. O próprio Jair disse que, em São Paulo, seria outra postura. Acho que vão sair mais, se expor. A torcida vai exigir isso deles. Caso eles permaneçam na postura mais defensiva, temos que ter calma, serenidade, para encontrar os espaços (...) Acredito que não vão entrar novamente com três volantes e vão adotar essa postura diferente do que fizeram aqui", afirmou Barbieri.

Enquanto Bandeira de Mello está preocupado com a questão da arbitragem, Barbieri parece estar confiante que será feita da melhor forma.

"Estamos focados no nosso trabalho. Quando é pertinente, expresso minha opinião. No jogo contra o Corinthians, espero que o árbitro faça um bom jogo", confessou.

Sobre o favoritismo, o comandante do Rubro-negro prefere não contar com a sorte.

"Não existe favorito. São duas grandes equipes. Temos tudo para fazer um grande jogo", reconheceu.