Na Seleção, Bruno Henrique festeja evolução com Jorge Jesus

Escalado para entrevista coletiva logo após se apresentar ao técnico Tite, em Miami, atacante destaca trabalho do treinador português no Flamengo

Por O Dia

Bruno Henrique em sua primeira coletiva pela seleção brasileira, em Miami: atacante diz que vive 'um momento único e mágico' na carreira
Bruno Henrique em sua primeira coletiva pela seleção brasileira, em Miami: atacante diz que vive 'um momento único e mágico' na carreira -

Destaque do Flamengo, líder do Brasileirão, Bruno Henrique chegou à seleção brasileira, em Miami, e já foi escalado para a entrevista coletiva ao lado de Jorge, do Santos. Com sete gols marcados no campeonato nacional, o atacante - que já jogou no futebol alemão pelo Wolfsburg - ­­­atribuiu a sua evolução ao técnico português Jorge Jesus, que comanda o time rubro-negro.

"Se eu tivesse um treinador europeu, antes de eu ir para a Alemanha, acho que minha vida na Europa teria sido diferente. O Jorge Jesus é um cara intenso, cobra de todos, mas também conversa, mostra o caminho, e isso é nítido no futebol que o Flamengo está jogando", afirmou Bruno Henrique. "Não só eu, mas todos os jogadores, o Flamengo está jogando um futebol bonito. Ele é um treinador que ajuda os jogadores a evoluir, e isso ele está mostrando. Eu sou a prova viva disso, estou jogando bem, fazendo um bom trabalho e já fui convocado para a Seleção. É isso, saber e entender a filosofia dele. Eu sou um cara que gosto muito de aprender as coisas, e essa evolução minha foi isso: aprender", comentou o atacante rubro-negro.

Perguntado sobre a possibilidade de seu companheiro Gabigol ganhar uma chance com Tite, Bruno Henrique respondeu que está na torcida pelo artilheiro do Brasileirão, com 14 gols: "A gente já trabalha desde 2018 no Santos, agora retomamos no Flamengo. Se ele viesse, ficaria muito feliz também. Ele está em um bom momento como eu. O professor Tite é quem decide quem deveria estar aqui. Tenho certeza de que o Gabriel também está perto. Se continuar desse jeito, não vejo como não estar aqui. Grande jogador, grande amigo, jogador de grupo".

A seleção brasileira se prepara para os amistosos com a Colômbia, na sexta-feira, em Miami, com o Peru, no dia 10, em Los Angeles. E Bruno Henrique não escondeu a emoção de estar na equipe brasileira.

"Um momento único e mágico na minha carreira, estar aqui representando o meu país, a seleção brasileira. Estou muito feliz, muito motivado também. Quando eu cheguei ao quarto, vi meu nome, uniforme da Seleção, passou um filme na minha cabeça. Tudo que aconteceu comigo desde que comecei a jogar futebol até hoje. Posso dizer que sou um cara abençoado, sou um cara trabalhador, e tenho certeza de que minha vinda para cá não foi e não será em vão, Deus me colocou aqui e vou fazer o meu trabalho da melhor maneira possível, assim como venho fazendo no Flamengo", afirmou.

 

Comentários